Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Nilmar marca, mas não evita a derrota do Villarreal para o Getafe

A situação do Villarreal no Campeonato Espanhol deste ano segue desesperadora e ganhou um novo capítulo trágico nesta segunda-feira. Sem vencer há três jogos e ameaçadíssimo pela zona do rebaixamento, o Submarino Amarelo contou com um gol do brasileiro Nilmar para ganhar novo fôlego na competição, mas não conseguiu evitar a derrota por 2 a 1 para o Getafe e continuou brigando contra as últimas posições na tabela de classificação.

O mandante da partida era o próprio Villarreal, que tentou iniciar o confronto com uma postura mais ofensiva e acabou dando espaços para que seu adversário trocasse passes e atacasse com facilidade. A apatia do setor defensivo e a falta de atenção dos meias anfitriões possibilitaram a boa investida de Diego Castro. O jogador não foi combatido por nenhum marcador e abriu o placar aos cinco minutos de jogo, sem qualquer dificuldade.

A reação dos donos da casa poderia ser iniciada aos 18 do primeiro tempo, quando o árbitro assinalou uma penalidade máxima para a equipe cobrar. Entretanto, Borja Valeró não contava com o bom posicionamento do goleiro Moyá, que voou na bola e conseguiu o desvio com sua mão esquerda.

Mesmo com a deficiência apresentada ao longo da partida, o Villarreal igualou o resultado com o brasileiro Nilmar. Em um novo pênalti assinalado pelo árbitro, o atacante chamou a responsabilidade para si e bateu sem chances de defesa para o arqueiro visitante.

O empate deu tranquilidade aos donos da casa e possibilitou um início de segundo tempo com mais paciência para se tocar a bola na intermediária. A tática adotada pelo técnico Molina acabou cadenciando a partida, mas não segurou o ímpeto do Getafe. O clube esperava o momento certo de atacar e tomou a dianteira novamente ao envolver a zaga anfitriã e concluir com Barrada, aos 27 da segunda etapa.

A nova derrota imposta ao Villarreal manteve o time na 17colocação do Campeonato Espanhol, com 27 pontos ganhos, três a mais do que o Racing Santander, primeiro time a ocupar a temida zona do rebaixamento. Já o Getafe respirou aliviado na competição e se distanciou ainda mais das últimas posições. A equipe agora soma 32 pontos e aparece no 13lugar do Nacional.