Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

NFL: Tom Brady conquista seu sétimo Super Bowl – e quer mais

Aos 43 anos, quarterback do Buccaneers supera sozinho o número de conquistas das franquias mais vencedoras e diz que ainda não pensa em aposentadoria

Por Da Redação Atualizado em 9 fev 2021, 11h46 - Publicado em 8 fev 2021, 10h50

A conquista de Tom Brady do seu sétimo título na NFL (National Football League, a liga americana de futebol) com a vitória por 31 a 9 do Tampa Bay Buccaneers sobre o Kansas City, no Super Bowl 55, consolidou ainda mais os números do jogador de 43 anos na história da liga. O camisa 12, agora, supera sozinho o número de troféus das franquias mais vencedoras do esporte, New Englands Patriots e Pittsburgh Steelers, com seis títulos cada.

Brady foi eleito o MVP, prêmio dado ao melhor jogador da final, e deixou claro que após 21 temporadas ainda não pretende encerrar a carreira: “Eu voltarei”, disse o quarterback em declaração dada ao final da partida. O jogador chegou a 21ª temporada como profissional – 20 delas pelo Patriots, onde conquistou seis títulos – e ainda tem mais um ano de contrato com os Buccaneers, que não venciam a liga desde 2002.

Continua após a publicidade

Durante o jogo, Brady conquistou 201 jardas, acertou 21 de 29 passes, fez 3 touchdowns, a performance foi repercutida por diversos esportistas como LeBron James, astro do Los Angeles Lakers, além de Neymar, atacante do Paris Saint-Germain, e o piloto inglês Lewis Hamilton. “Não para, não vai parar. O melhor de todos os esportes”, disse o wide receiver Julian Edelman, ex-companheiro de Brady no Patriots.

Continua após a publicidade

O Super Bowl teve formato diferente de anos anteriores devido as restrições da pandemia da Covid-19. O Raymond James Stadium de Tampa recebeu 25.000 pessoas, o menor público da história. Destes, 7.500 foram profissionais da saúde já vacinados, convidados pela liga como homenagem ao trabalho prestado durante a pandemia. A modelo brasileira Gisele Bündchen, esposa de Tom Brady, também compareceu e fez diversos vídeos em suas redes sociais para celebrar mais um título.

O presidente Joe Biden gravou uma mensagem, exibida no telão do estádio, solicitando um minuto de silêncio as mais de 440 mil vítimas do novo coronavírus no país. No intervalo do jogo, o cantor canadense The Weeknd foi a grande atração. O show aconteceu nas arquibancadas, diferente de anos anteriores em que a atração ocorria no centro do gramado.

Continua após a publicidade

Publicidade