Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

NBA: técnico do Clippers se torna presidente da equipe

Após o banimento do ex-presidente Donald Sterling da liga americana por racismo, Doc Rivers será o novo comandante do time - e segue como treinador em quadra

O Los Angeles Clippers anunciou na segunda-feira uma mudança na direção da equipe. Doc Rivers, treinador da franquia americana de basquete, será o novo presidente, substituindo Donald Sterling, envolvido em um caso de racismo. Mesmo com a nova função, Rivers segue como técnico do time. Ele terá a companhia de seu auxiliar técnico Kevin Eastman, que o acompanha há nove anos e também foi promovido, tornando-se vice-presidente do Clippers. Ex-diretor de estatísticas, Dave Wohl é o novo diretor geral, enquanto Gary Sacks será seu assistente. O tempo que Rivers terá a frente da franquia, no entanto, não foi informado.

Leia também:

Racista e teimoso: dono nega-se a vender Clippers

Donald Sterling aceita venda do Clippers e descarta ação contra NBA

Banido da NBA por racismo, Sterling pede perdão

“Estou empolgado por trabalhar tão próximo a Kevin, Dave e Gary em seus novos cargos. Nossos objetivos são virar um time campeão e uma organização campeã também. Eu sinto que com a nova estrutura do Departamento de Operações de Basquete, demos um passo positivo nessa direção”, disse Rivers.

Leia também:

Oprah, Mayweather, Magic Johnson…todos querem comprar o Clippers

Racismo: dono do Clippers leva multa e é banido da NBA

Racismo no basquete americano indigna país e repercute na Casa Branca

Racismo – Em abril, Donald Sterling, ex-presidente do Clippers, foi flagrado pelo site americano TMZ criticando sua namorada, V. Stiviano, por publicar fotos ao lado de Magic Johnson, ídolo do Los Angeles Lakers, e por “trazer pessoas negras” aos jogos da franquia. Pelas declarações racistas, o dirigente foi punido pela NBA com uma multa de 2,5 milhões de dólares (5,5 milhões de reais), foi obrigado a vender a franquia e afastado da liga para sempre. Desde então, a mulher de Donald, Shelly Sterling, acertou a venda do Clippers, o dono aceitou, mas acabou voltando atrás.

(Com Estadão Conteúdo)