Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

NBA: o pivô Jason Collins assume ser homossexual

Jogador passou por seis equipes em 12 temporadas na liga americana

O veterano pivô Jason Collins, que defendeu o Boston Celtics e o Washington Wizards na atual temporada da NBA, se tornou o primeiro atleta em atividade nas quatro maiores ligas esportivas dos Estados Unidos (basquete, hóquei, beisebol e futebol americano) a assumir ser homossexual. Em artigo publicado no site da revista Sports Illustrated o jogador americano de 34 anos revelou que é gay. “Não tinha a intenção de ser o primeiro atleta assumidamente gay jogando em uma equipe de um grande esporte americano. Mas fico feliz de iniciar esta discussão”, escreveu Collins. No texto, ele diz esperar que sua iniciativa dê coragem a outros esportistas revelarem que são homossexuais.

Leia também:

Americana vice-campeã olímpica no vôlei sai do armário

Jogador americano de futebol anuncia que é homossexual

Campeão peso-pena de Porto Rico anuncia que é homossexual Em doze temporadas na NBA, Collins defendeu seis equipes (New Jersey Nets, Memphis Grizzlies, Minnesota Timberwolves, Atlanta Hawks, Boston Celtics e Washington Wizards), com médias de 3,6 pontos e 3,8 rebotes por jogo. Seu contrato com o Wizards terminou ao final da temporada e agora está com futuro indefinido. Mas avisou que deseja continuar sua carreira.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

(Com Estadão Conteúdo)