Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Natação: brasileiro Fernando Scheffer conquista o bronze nos 200m livre

Atleta gaúcho largou na raia 8 e surpreendeu os favoritos em sua primeira Olimpíada

Por Da Redação Atualizado em 27 jul 2021, 00h04 - Publicado em 26 jul 2021, 23h02

Fernando Scheffer cravou seu nome na história da natação brasileira ao conquistar a medalha de bronze nos 200m livre nos Jogos de Tóquio, na noite desta segunda-feira, 26. O atleta gaúcho de 23 anos largou na raia oito, com o pior tempo entre os finalistas, mas surpreendeu os favoritos e garantiu o pódio com o tempo de com 1:44.66, recorde sul-americano, no Centro Aquático da capital japonesa.

O ouro ficou com o britânico Tom Dean (1:44.22), seguido por seu compatriota Scott Duncan (1:44;26). O brasileiro chegou dois centésimos à frente do romeno David Popovici, de 16 anos.

“Eu não estava pensando em tempo ou colocação, só queria fazer minha prova, colocar na água tudo que treinei e nadar feliz, cada braçada, aproveitando cada metro. É uma sensação muito especial, parece que estou sonhando ainda”, afirmou Scheffer ao canal SporTV, aparentando calma, logo após a prova. 

  • Natural de Canoas (RS), assim como o judoca Daniel Cargnin, também medalhista de bronze em Tóquio, Scheffer estreou na seleção brasileira em 2016 e se destacou no Pan-Americano de Lima, em 2019, com as medalhas de ouro nos 200m livre e nos 4x200m livre. Um ano antes, venceu a prova no Mundial de Piscina Curta em Hangzhou, na China.

    Atleta do Minas Tênis Clube, ficou três meses sem treinar em razão da pandemia do novo coronavírus e chegou a recorrer ao nado em um açude para manter a forma, meses antes da Olimpíada. Seu bronze em Tóquio foi a primeira medalha do Brasil em piscinas olímpicas desde o bronze de Cesar Cielo nos 50 livre dos Jogos de Londres-2012. Na Rio-2016, a natação só venceu medalha com Poliana Okimoto na maratona aquática de 10 km. 

    Esta foi a quarta medalha do Brasil na Olimpíada, depois das pratas no skate de Kelvin Hoefler e Rayssa Leal e do bronze de Daniel Cargin, no judô. O país também já garantiu uma medalha no surfe masculino, que sairá na madrugada desta terça-feira, 27.

    Continua após a publicidade
    Publicidade