Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Nadal e Djokovic fazem o último duelo da temporada 2013

Os dois melhores tenistas do ano fecham o ATP Finals, em Londres. 'Não há favorito', diz o sérvio, que venceu o último confronto com espanhol, na China

Por Da Redação 11 nov 2013, 10h20

Os dois melhores tenistas da temporada confirmaram o favoritismo e farão a decisão do ATP Finals, nesta segunda-feira, em Londres. Rafael Nadal e Novak Djokovic voltarão a se enfrentar às 18 horas (de Brasília), em mais uma edição de um duelo que já entrou para a história do tênis. Djokovic evita fazer previsões e afirma que o jogo não tem favorito. “Enfrentar Nadal sempre é um desafio porque os dois, é claro, querem vencer. Este é o torneio mais competitivo e importante depois dos Grand Slam, então faremos de tudo para ganhar. A motivação é a maior possível. Vamos ao limite”, disse o sérvio, número 2 do mundo.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Nadal, atual líder do ranking, leva vantagem no retrospecto de confrontos, com 22 vitórias e 16 derrotas. No último duelo, em setembro, Djokovic levou a melhor e ficou com o título do ATP 500 de Pequim, na China. “Gostei muito da forma como joguei contra ele em Pequim. Mudei algumas coisas que deram muito certo e quero aproveitar essa confiança. Mesmo assim, não vejo um favorito claro aqui em Londres.” Para o sérvio, um triunfo sobre o espanhol garante o bicampeonato do ATP Finals e o sétimo título na temporada. Já Nadal espera a vitória para fechar com chave de ouro uma temporada em que já conquistou dez torneios.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Publicidade