Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Nadador Michael Phelps é detido por dirigir embriagado

Maior medalhista olímpico da história foi autuado por dirigir sob influência de drogas ou álcool, excesso de velocidade e ultrapassagem em trecho proibido

Por Da Redação 30 set 2014, 14h44

O nadador americano Michael Phelps foi detido na madrugada desta terça-feira em Baltimore, nos Estados Unidos, por dirigir embriagado, segundo informações do site americano TMZ. O maior campeão olímpico de todos os tempos estava dirigindo a 84 milhas por hora (135 quilômetros por hora, quase o dobro do limite da pista), quando teve seu carro, uma Range Rover branca, parado pela polícia local. O teste de bafômetro registrou que Phelps havia ingerido quase o dobro do valor de álcool permitido por lei. A polícia local não informou se Phelps havia consumido outro tipo de droga além do álcool.

Leia também:

Phelps decepciona e é batido por Lotche nos 200m medley

Phelps conquista apenas o bronze em sua melhor prova

Michael Phelps retorna às piscinas com vitória e aplausos

O nadador de 29 anos foi levado à delegacia, onde foi autuado pelos crimes de dirigir sob influência de drogas ou álcool, excesso de velocidade e ultrapassagem em trecho proibido. Horas depois, Phelps foi liberado. Ele vai responder pelas acusações em liberdade.

Por ser reincidente, o nadador pode ter sérios problemas com a Justiça americana. Em 2004, quando tinha apenas 19 anos, ele foi autuado na mesma cidade por dirigir embriagado e fez acordo com a Justiça: assumiu a culpa e recebeu pena de 18 meses de liberdade condicional. Em abril deste ano, Phelps desistiu da aposentadoria e voltou a competir depois de quase dois anos longe das piscinas. Ele tem planos de disputar a Olimpíada de 2016, no Rio de Janeiro.

Continua após a publicidade

Publicidade