Clique e assine a partir de 9,90/mês

Nadador faz minuto de silêncio sozinho por mortos em Barcelona

Organização se negou a prestar homenagem às vítimas do atentado na Catalunha

Por Da Redação - Atualizado em 21 ago 2017, 08h36 - Publicado em 20 ago 2017, 18h46

O nadador espanhol Fernando Álvarez, de 71 anos, que participava do Mundial Master de Natação em Budapeste, comoveu a plateia que assistia à disputa de 200m peito na categoria entre 70 e 74 anos. Álvarez se posicionou no bloco mas não caiu na piscina ao ouvir o som da largada. O atleta permaneceu imóvel durante um minuto para prestar homenagem às vítimas do atentado ocorrido em Barcelona na última quinta-feira, enquanto os outros competidores saltaram na água para completar a prova.

Fernando, que competia pelo Club Natación Cadiz, pediu à organização que fosse realizado um minuto de silêncio em memória das vítimas do atentado na Catalunha. O pedido não foi acatado. Mesmo assim, Fernando decidiu prestar a homenagem. “Disseram-me que não era possível. Que não podia ser feito o minuto de silêncio”, disse o nadador ao jornal espanhol La Vanguardia.

Continua após a publicidade

Hoy nuestro nadador Máster nadaba la prueba de 200 Braza, tras muchas pesquisas, intentando hicieran un minuto de silencio por el atentado terrorista de Barcelona, en el Mundial Máster que se está celebrando en Budapest, y ante la negativa "no se puede perder un minuto ", Fernando, decidió hacerlo él, en el pollete, en su prueba!!Fernando Álvarez, se queda un minuto en señal de duelo en la salida del 200 Braza!!!El club Natación Cadiz muestra su pesar y rechaza la barbarie del Atentado terrorista en Barcelona

Posted by Club Natacion Cadiz on Saturday, August 19, 2017

Publicidade