Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Na rota do Brasil, Espanha e Holanda repetem duelo decisivo

Os dois times protagonizaram a final do último Mundial - vencida pelos espanhóis por 1 a 0. Agora, se enfrentam na primeira partida da fase de grupos

Iniesta, Casillas, Mata, David Silva e Albiol se divertem em treino da Espanha, em Salvador. Iniesta, Casillas, Mata, David Silva e Albiol se divertem em treino da Espanha, em Salvador.

Iniesta, Casillas, Mata, David Silva e Albiol se divertem em treino da Espanha, em Salvador. (/)

O segundo dia de Copa do Mundo reserva um jogo que está fresco na memória: Espanha e Holanda, os dois finalistas da última Copa, em 2010 – vencida por 1 a 0 pelos espanhóis na prorrogação. As duas seleções se enfrentam nesta sexta-feira, às 16h (de Brasília), na Arena Fonte Nova, em Salvador. Quem perder, tem grandes chances de terminar como segundo do grupo B (que ainda conta com Chile e Austrália) e encarar o Brasil já nas oitavas de final – caso a seleção confirme seu favoritismo e avance como primeiro colocado do grupo A.

Leia também:

Fàbregas deixa o Barcelona e acerta com Chelsea

Espanha é a seleção mais valiosa da Copa; Brasil é 3º

Longe da torcida, delegação da Espanha chega a Curitiba

Espanhóis vão receber 2,2 milhões de reais por título

O meia espanhol Xavi, que esteve em campo na final de 2010, elogiou os holandeses. “A Holanda é um rival muito duro, será um jogo muito complicado. Eles têm gente muito rápida em cima, saem bem no contra-ataque, se fecham bem atrás e são defensivamente fortes”. O espanhol também afirmou que a equipe vai manter aquilo que a caracterizou, a posse de bola e a troca de passes. “Nosso estilo é muito claro: dominar os jogos, ser protagonistas, ter a bola. Estamos há muitos anos com essa filosofia. Vamos ganhar ou morrer com este estilo até o final.”

A única dúvida do técnico espanhol Vicente del Bosque para a partida desta sexta é no ataque. O sergipano naturalizado espanhol Diego Costa está recuperado da lesão na coxa que o incomodou nas últimas partidas pelo Atlético de Madri e treinou normalmente com o restante do elenco. Nos treinamentos, del Bosque utilizou ora Diego Costa, ora Fernando Torres e testou Fàbregas, um meia, atuando mais próximo da área, como atacante.

Leia também:

Holanda empata com Equador em amistoso pré-Copa

Itália e Holanda desembarcam no Rio sob forte esquema de segurança

Seleção da Holanda já contratou os dois próximos técnicos

​Espanha x Holanda, nova rivalidade nas Copas do Mundo

O treinador holandês Louis Van Gaal disse que uma vitória de sua equipe seria “a grande surpresa do torneio”. “Quando trabalhei como treinador na Espanha, foi um dos melhores momentos da minha carreira. O futebol espanhol é o melhor na técnica, na tática e no físico. Como jogaremos com a melhor seleção do mundo, vamos fazer tudo o que for necessário para ganhar”, disse. Van Gaal afirmou que deve utilizar cinco jogadores na defesa na partida. No meio de campo, Jonathan de Guzmán recuperou-se de uma lesão na coxa e pode ser titular.

O atacante Robben, também presente na final de 2010, negou que a vitória nesta sexta seja uma vingança pela decisão. “Estamos na fase de grupos e nos preparamos para ele da mesma forma que para os outros dois dessa fase”, falou. O holandês, que perdeu uma clara chance de gol naquela final, reconheceu a importância do lance. “Foi um momento que marcará toda a minha carreira, mas já é história. Agora, estamos focando em algo totalmente diferente.”

Copa do Mundo de 2010

Amistoso em 2002

Amistoso em 2000

Amistoso em 1987

(Com agência EFE)