Clique e assine a partir de 8,90/mês

Na final da NBA, Kevin Durant se estranha com… Rihanna

Fã de LeBron, cantora assistiu ao jogo na primeira fila da Oracle Arena e tentou desestabilizar o cestinha do Golden State Warriors. E se deu mal

Por Da redação - Atualizado em 2 jun 2017, 10h27 - Publicado em 2 jun 2017, 09h32

Muitos esperavam um duelo quente entre LeBron James e Stephen Curry, mas quem mais brilhou no primeiro jogo das finais da NBA 2017, na vitória do Golden State sobre o Cleveland Cavaliers por 113 a 91, foi Kevin Durant, cestinha do jogo com 38 pontos. No entanto, o ala dos Warriors, que busca seu primeiro título da liga, teve um rival bastante incomum. Na verdade, uma rival: a cantora Rihanna, que estava na primeira fila da Oracle Arena e trocou provocações com Durant.

Rihanna é uma confessa admiradora de LeBron James e, mesmo na casa do Golden State, fez de tudo para desestabilizar os adversários dos Cavaliers. Sem pudor, a cantora chegou a se levantar para reverenciar LeBron e, ao ser repreendida por torcedores dos Warriors, fez graça e acenou.

Continua após a publicidade

Em seguida, vendo que LeBron e o Cleveland não conseguiam superar a força do time da casa, Rihanna decidiu desconcentrar Durant. Em um lance livre de Durant, pôde-se ouvir a cantora gritando “brick” (uma gíria ofensiva) ao rival, que percebeu e a encarou pela primeira vez.

Continua após a publicidade

Se a intenção de Rihanna era atrapalhar Durant, o tiro saiu pela culatra. O astro dos Warriors parecia ainda mais motivado a brilhar e, após marcar uma cesta de três, olhou fixamente para o setor onde a cantora estava. Ele seguiu buscando Rihanna a cada pausa na partida.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

A desbocada Rihanna, no entanto, parecia despreocupada ao deixar a Oracle Arena. “Não importa, p…. O rei segue sendo o rei”, disse, diante de diversas câmeras, se referindo ao ídolo LeBron.

Continua após a publicidade

Na coletiva a partida, Kevin Durant foi perguntado sobre a animosidade com Rihanna e se fez de desentendido. “Eu não me lembro disso”, disse, em tom sério. Aconselhado pelo amigo Stephen Curry a “não cair nessa armadilha”, Durant despistou. “Estou tranquilo. Divirtam-se com isso.”

Continua após a publicidade

Resta saber agora se Rihanna será convidada novamente para o jogo 2 das finais, novamente na Califórnia, no próximo domingo.

Continua após a publicidade
Publicidade