Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Murray atropela Roddick e avança às quartas em Paris

Por Da Redação 10 nov 2011, 08h12

Por AE

Paris – Andy Murray deu nesta quinta-feira mais uma demonstração da grande fase que atravessa em sua carreira. O tenista britânico venceu o norte-americano Andy Roddick por 2 sets a 0, com duplo 6/2, e garantiu com extrema facilidade a sua classificação para as quartas de final do Masters 1.000 de Paris.

Essa foi a 16.ª vitória consecutiva de Murray, que vem embalado depois dos títulos conquistados em Bangcoc e Tóquio e no Masters 1.000 de Xangai. Ele não sofre uma derrota desde quando foi superado pelo espanhol Rafael Nadal na semifinal do último US Open e ganhou nada menos do que 27 dos últimos 28 confrontos que disputou.

Agora, por uma vaga nas semifinais, o cabeça de chave número 2 em Paris irá enfrentar o vencedor do confronto entre o checo Tomas Berdych e o sérvio Janko Tipsarevic, que também jogam nesta quinta pelas oitavas de final.

Ao superar Roddick, Murray aumentou para oito vitórias e três derrotas a sua vantagem no retrospecto geral de duelos com o norte-americano, atual 15.º colocado do ranking mundial e que já havia sido arrasado neste ano pelo britânico na semifinal do Torneio de Queen’s, em Londres, onde caiu por 6/3 e 6/1.

Terceiro colocado do ranking da ATP, Murray não deu qualquer chance de vitória a Roddick nesta quinta. Beneficiado também por uma tarde infeliz do rival no saque, que é uma especialidade do norte-americano, Murray foi muito eficiente quando sacou. Além de contabilizar sete aces, ganhou 83% dos pontos que disputou quando utilizou o seu primeiro serviço. Para completar, converteu quatro de seis break points cedidos por Roddick, que ganhou apenas 56% dos pontos que travou quando encaixou o seu primeiro saque.

Continua após a publicidade
Publicidade