Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Muricy Ramalho não é mais o treinador do Santos

Ele assumiu a equipe em 2011, ano em que foi campeão da Libertadores

Na mesma semana em que acertou a venda de Neymar para o Barcelona, o Santos perdeu outra peça importante em seu plantel. O clube anunciou nesta sexta-feira em seu site que Muricy Ramalho não é mais o treinador. “O Comitê de Gestão decidiu que Muricy Ramalho não é mais técnico do time profissional do Santos. A decisão foi comunicada ao treinador nesta quinta-feira”, diz a nota publicada pelo Santos.

Leia também:

Após classificação santista, Muricy fala em abreviar carreira

Muricy Ramalho melhora e recebe alta hospitalar

Com bom retrospecto no São Caetano e no São Paulo, Muricy Ramalho assumiu o Santos em abril de 2011. No mesmo ano, conquistou o Campeonato Paulista, a Copa Libertadores e foi vice-campeão do Mundial de Clubes da Fifa, perdendo a final para o Barcelona. Em 2012, foi tricampeão paulista e conquistou a Recopa Sul-Americana. Em 2013, ele não conseguiu dar um bom padrão de jogo ao Santos, mesmo após a contratação do meia Montillo para atuar ao lado de Neymar.

O clube tomou a decisão de demitir Muricy Ramalho depois de o Santos perder por 2 a 1 pelo Botafogo, em Volta Redonda, na quarta-feira, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Muricy Ramalho deixa o Santos depois de 150 jogos. É o sétimo treinador que mais dirigiu a equipe, com 72 vitórias, 42 empates e 36 derrotas. O Santos também confirmou nesta sexta que Claudinei Oliveira, técnico da equipe sub-20 do clube e campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, irá assumir interinamente o comando do time na partida deste sábado, contra o Grêmio, na Vila Belmiro, pela terceira rodada do Brasileirão.

(Com Estadão Conteúdo)