Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Muricy evita opinar sobre polêmica Ceni x Neymar, mas volta a defender a Joia

Durante a semana, as declarações do goleiro Rogério Ceni, de que Neymar simula 50% das faltas que recebe, agitaram os bastidores do futebol brasileiro. As críticas geraram uma resposta do site oficial da Joia, escrita por um de seus assessores. Indagado sobre a polêmica nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé, o técnico santista, Muricy Ramalho, se esquivou e preferiu não opinar sobre os comentários feitos por Ceni.

Amigo pessoal do capitão tricolor e atual comandante de Neymar, o treinador disse que o assunto só diz respeito aos envolvidos na situação.

‘Acho que estamos numa democracia e cada um fala o que quer. Os dois são meus parceiros. É preciso respeitar a opinião das pessoas e eu respeito o que o Rogério falou. Acho que o Neymar também respondeu e as pessoas tem que respeitar. Todos têm liberdade para se expressarem da maneira que bem entenderem. Essa é uma coisa dos dois’, afirmou.

No entanto, apesar de ter evitado tomar partido entre Rogério Ceni e Neymar, mais tarde o técnico santista voltou a defender a Joia. Segundo Muricy, o camisa 11 do Peixe tem ganhado maturidade e mudou algumas atitudes em seu comportamento dentro de campo.

Para o treinador alvinegro, Neymar tem aceitado bem as colocações feitas por ele como, por exemplo, procurar simular menos faltas, justamente o ponto mais criticado por Ceni.

‘Estamos passando algumas coisas para ele ganhar maturidade, experiência, e o Neymar vem aceitando bem isso. Ele está ficando mais em pé, encarando as faltas, tomando pancada e aguentando firme. Isso ainda vai fazer parte da carreira dele por muito tempo’, concluiu Muricy Ramalho.