Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Muricy elogia F.Anderson, mas ressalta: ‘Veio com muito defeito de fábrica’

Por Da Redação 8 set 2011, 10h13

Autor do gol da vitória sobre o Avaí, por 2 a 1, na tarde desta quarta-feira, na Ressacada, o meia Felipe Anderson recebeu elogios dos seus companheiros de equipe, principalmente do atacante Neymar. Só que o técnico Muricy Ramalho, mais cético em sua avaliação, apesar de ter aprovado a atuação do jovem meio-campista, de 18 anos, acredita que o jogador ainda tem muito a melhorar para conquistar o seu espaço no time da Vila Belmiro.

‘É um atleta de qualidade. Ele tem muita velocidade, bom chute, só que é muito ‘desligado’. O Felipe Anderson veio com muito ‘defeito de fábrica’, mas temos que corrigir esses problemas aos poucos’, disse Muricy.

Segundo o treinador santista, um dos principais defeitos de Felipe Anderson é a falta de uma maior presença ofensiva. Para Muricy Ramalho, o meia deveria ter sido mais incentivado, quando ainda jogava nas categorias de base do clube, a ser incisivo e buscar mais o gol.

‘Você pode prometer o que for a ele que o Felipe não entra na área. Esse é um defeito muito grande que ele tem. Hoje (quarta) já melhorou, pois ele entrou na área e fez o gol. Mas você pode ver que normalmente ele nunca entra na área. O técnico na base não deve ter ensinado isso para ele’, comentou.

Além disso, Muricy acredita que Felipe Anderson precisa adquirir uma auto-confiança maior se quiser se firmar no futuro com a camisa do Peixe. ‘Não adianta falarem ou ele jogar bem só, o atleta tem que se impor. Esse lado psicológico dele ainda tem que ficar forte. Mas eu vou trabalhar isso com ele. Ele tem qualidade, bons fundamentos e merece uma atenção. O Felipe vai melhorar nesse aspecto. Podem ter certeza’, encerrou.

Continua após a publicidade
Publicidade