Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Murer destaca exclusividade de Petrov e marca estreia em 2012 para maio

A saltadora Fabiana Murer se prepara para voltar ao Brasil após um período de 40 dias de treinamento no Centro de Alto Rendimento do Jamor-POR. A atleta valorizou a atenção exclusiva do técnico Vitaly Petrov durante a estadia no exterior e marcou sua estreia em 2012 para o dia 16 de maio, no GP de São Paulo, no Ibirapuera.

‘Achei legal ter o Vitaly só com o nosso grupo. Em Fórmia-ITA, ele tem de dar atenção para outros atletas também. Dessa vez, ficou com os brasileiros, vendo os treinos, conversando com o Élson sobre treinos, preparação, planejamento e até inventando novos exercícios para fazer todos nós sofrermos ainda mais’, contou, bem-humorada.

Fabiana teve a companhia de Karla Rosa, Fábio Gomes da Silva e Thiago Braz, além do treinador e marido Élson Miranda. Ela não conseguia encaixar um período longo de treino com tranquilidade para trabalhar detalhes técnicos desde a temporada de 2005. Com uma medalha olímpica em Londres como foco, resolveu repetir o expediente.

‘Essa fase sempre passava rápido, logo vinham as competições. Estava precisando ser mais detalhista, sem ter a pressa de saltar alto logo. Tem sido um trabalho bem intenso, com duas semanas de treinos fortes e uma mais fraca. É bem cansativo, mas é o momento de trabalhar todos os detalhes necessários para melhorar a técnica’, disse.

Fabiana abriu mão do Mundial Indoor para priorizar as Olimpíadas e aproveitou a passagem pela Europa para observar a evolução da temporada indoor. A norte-americana Jennifer Suhr (4,88m) e a inglesa Holly Bleasdale (4,87m), por exemplo, já saltaram alto. ‘Como é um ano olímpico, percebo que os resultados estão aumentando, o que já dá alguns parâmetros do que pode acontecer na temporada outdoor’, avaliou Fabiana.

A saltadora deixa Portugal nesta segunda-feira e chega a São Paulo no dia seguinte. No retorno, não terá folga, mas sim uma semana com treinamentos menos intensos para se adaptar novamente ao fuso horário e ao clima. Depois de competir na capital paulista, ela segue para o GP do Rio de Janeiro, no dia 20 de maio.

‘Em relação à Fabiana, o trabalho está sendo bem estruturado e temos tempo, porque ela vai competir só em maio. Creio que essa preparação será a base para a Olimpíada e os anos que virão’, disse Élson. Em março, Petrov, consultor de salto com vara da Confederação Brasileira de Atletismo (Cbat), passará 10 dias no Brasil.

Para o treinador brasileiro, a série de treinos em Portugal foi especialmente útil para o jovem Thiago Braz, prata nas Olimpíadas da Juventude-2010. ‘É a primeira vez que ele treina tão forte e é bom ter um grupo treinando junto: Karla e Fabiana, Fábio e Thiago, um incentiva o outro e todos crescem’, disse. A meta de Braz, 18 anos, em 2012 é o Mundial Juvenil de Barcelona, em julho.