Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mourinho abre portas para Kaká buscar clube nos EUA

Por AE

Madri – José Mourinho abriu caminho para Kaká deixar o Real Madrid. Os dois se reuniram nesta segunda-feira por 45 minutos no estádio Santiago Bernabéu – o pai do jogador também esteve presente no encontro – e o treinador avisou ao meia que conta com ele apenas para ser um reserva de luxo na próxima temporada.

De acordo com o canal espanhol La Sexta, Mourinho teria recomendado ao ex-melhor do mundo que vá jogar nos Estados Unidos, local onde o Real Madrid vai fazer parte da sua pré-temporada a partir de sábado e onde disputará quatro amistosos. O treinador, inclusive, teria pedido para Kaká não ficar de fora da viagem, já que poderia aproveitar que o time vai excursionar pelos EUA por duas semanas para negociar e conhecer os clubes que desejam contratá-lo.

Equipes norte-americanas seriam as únicas dispostas a pagar os altos salários exigidos por Kaká. De acordo com a imprensa espanhola, ele recebe 12 milhões de euros (R$ 29,5 milhões) por ano e não aceita uma redução nos seus ganhos.

A intenção da diretoria do Real é vender Kaká não só para se livrar do salário do jogador, mas também para fazer caixa e comprar o croata Modric, do Tottenham, objeto de desejo de Mourinho. Os ingleses exigem 50 milhões de euros (R$ 123 milhões), mas o clube merengue estaria disposto a pagar, no máximo, 39 milhões de euros (R$ 96 milhões).

Kaká chegou ao Real em 2009 comprado por 65 milhões de euros (R$ 160 milhões pelo câmbio desta segunda-feira) do Milan.