Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Mistão do Flamengo ‘cumpre tabela’ contra a Universidad de Chile

Por Da Redação 26 out 2011, 06h25

Virtualmente eliminado, o Flamengo visita a Universidad de Chile nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), no Estádio Nacional, em Santiago, em confronto de volta pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Os brasileiros foram goleados em casa por 4 a 0 e agora precisam devolver o marcador para forçarem a disputa de pênaltis. Qualquer outra goleada a partir de quatro gols de vantagem serve aos flamenguistas, pois os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate. O ganhador pega o Arsenal, da Argentina, nas quartas de final.

Ciente do grau de dificuldade de se devolver a goleada no Chile e garantir a classificação, o técnico Vanderlei Luxemburgo dá sinais de que vai priorizar mesmo o Campeonato Brasileiro, competição na qual o Rubro-negro figura na quarta posição, com 52 pontos. Prova disso é que, dos atletas considerados titulares, apenas o lateral direito Leonardo Moura e os volantes Willians e Maldonado viajaram para Santiago.

Apesar de uma realidade que parece não se poder mudar, os jogadores do Flamengo procuram manter vivo o sonho da classificação.

‘Nós não vamos nos iludir e dizer que é fácil conseguir a classificação. Mas o Flamengo é um grande clube e do mesmo jeito que os chilenos fizeram quatro gols no Rio de Janeiro, nós podemos obter uma goleada no Chile’, disse o meia Vander.

Na visão do goleiro Paulo Victor, o Flamengo deve pensar primeiro em ganhar. ‘Nós não devemos entrar em campo pensando em marcar quatro gols. Temos que pensar em marcar um gol de cada vez. Só assim que teremos alguma chance de conquistar a goleada e a classificação’, disse o arqueiro rubro-negro.

Pelo lado da Universidad de Chile, o técnico Jorge Sampaoli garante que sua equipe não jogará pensando na vantagem que conseguiu fora de casa.

‘Não podemos deitar na vantagem que conseguimos no Rio de Janeiro. Vamos jogar em nossa casa e temos que tomar a iniciativa, como se apenas a vitória nos desse a classificação.’

Mesmo tendo um clássico contra o Colo Colo, pelo Torneio Clausura, do Chile, no fim de semana, a Universidad de Chile, que lidera a competição com 33 pontos após empate por 1 a 1 com o Palestino, vai usar força máxima contra o Flamengo. Jorge Sampaoli não pensa em preservar titulares.

‘Seria ingenuidade da minha parte menosprezar um time brasileiro. Não caio nessa’, disse o comandante do time chileno.

Dessa maneira apenas uma alteração acontecerá em relação ao confronto de ida. O atacante Francisco Castro, expulso no Rio de Janeiro, dá vaga ao argentino Gustavo Canales, que foi reintegrado ao elenco depois de ter sido afastado por indisciplina.

Continua após a publicidade

FICHA TÉCNICA

UNIVERSIDAD DE CHILE X FLAMENGO

Local: Estádio Nacional, em Santiago (Chile)

Data: 26 de outubro de 2011, quarta-feira

Horário: 21h50 (de Brasília)

Árbitro: Carlos Amarilla (Paraguai)

Assistentes: Milcíades Saldívar (Paraguai) e Carlos Cáceres (Paraguai)

UNIVERSIDAD DE CHILE: Johnny Herrera; Osvaldo González, Marcos González, Rojas e Mena; Rodríguez, Aránguiz, Díaz e Lorenzetti; Vargas e Canales

Técnico: Jorge Sampaoli

FLAMENGO: Paulo Victor; Leonardo Moura, David Braz, Ronaldo Angelim e Rodrigo Alvim; Willians, Maldonado, Fierro e Vander; Negueba e Jael

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Continua após a publicidade
Publicidade