Clique e assine com até 92% de desconto

Mineiro ‘queniano’ vence nos 15 anos e já sonha com São Silvestre

Por Da Redação 27 dez 2011, 20h29

A principal prova da São Silvestrinha, para atletas masculinos de até 15 anos, foi vencida nesta terça-feira pelo mineiro Edimílson dos Santos, da equipe de Poços de Caldas, seguido por Igor Vianna e Guilherme Belico. O ritmo do campeão impressionou os presentes no Estádio Ícaro de Castro Mello e ele chegou até a ser chamado de ‘queniano’ por companheiros que assistiam à disputa, após completar a distância de 600m.

‘Eu não disputo provas de velocidade normalmente, treino 2km por dia. Tive que mudar um pouco o meu jeito de correr porque hoje a distância era menor, mas deu certo’, disse o campeão, que participou pela oitava vez da versão para crianças e adolescentes da Corrida Internacional de São Silvestre. Em 2009, ele foi o terceiro mais rápido da categoria 13 anos. ‘A emoção de ganhar é diferente, é uma alegria maior’.Como participou de sua última São Silvestrinha – ele atingiu a idade limite para competir no evento – Edimílson já começa a pensar em seus treinos nos próximos anos para conseguir disputar a versão adulta da prova, que este ano chega a sua 87edição. O sonho do mineiro é repetir o sucesso de Marílson Gomes dos Santos, que com três títulos é o brasileiro com mais títulos do evento.

‘Quero continuar correndo, um dia ganhar a São Silvestre. Só não sei daqui a quanto tempo vou conseguir correr com os adultos, vamos ver’, afirmou o atleta mirim, que acompanhará pela televisão os 15km da disputa no último dia do ano.

No pódio da categoria 15 anos, Edimilson teve a companhia de outro atleta já acostumado com a disputa da São Silvestrinha. Dono da segunda colocação, Igor Vianna melhorou seu desempenho em relação ao ano passado, em que foi o terceiro mais rápido da competição para atletas de 14 anos.

Continua após a publicidade
Publicidade