Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Milwaukee Bucks conquista o título da NBA após 50 anos

Equipe liderada pelo ala/pivô grego Giannis Antetokounmpo bateu o Phoenix Suns e fechou a série em 4 a 2

Por Da Redação Atualizado em 21 jul 2021, 05h29 - Publicado em 21 jul 2021, 05h28

O Milwaukee Bucks garantiu o título da edição 2021 da NBA, a principal liga de basquete dos Estados Unidos, ao derrotar o Phoenix Suns por 105 a 98, no início da madrugada desta quarta-feira, 21, na Fiserv Arena, em Milwaukee. Com este triunfo, a equipe de Wisconsin fechou a série final por 4 a 2 e garantiu o bicampeonato 50 anos depois da primeira conquista, em 1971.

Cerca de 18.000 torcedores puderam celebrar o momento dentro do ginásio, enquanto mais de 65.000 pessoas festejaram do lado de fora. O grande destaque da jornada foi o ala/pivô grego Giannis Antetokounmpo, que, com 50 pontos na partida decisiva, foi escolhido como o MVP (jogador mais valioso) das finais. O jogador ainda contribuiu com 14 rebotes e cinco tocos, e se emocionou com seu primeiro título

“Isso deve fazer cada criança acreditar em seus sonhos. Não deixe ninguém dizer que você não consegue fazer algo. As pessoas disseram que eu não conseguia acertar os lances livres. E eu acertei meus lances livres hoje”, discursou Giannis, na entrevista após a partida. “Eu estou só brincando. Na verdade, eu não estou. Eu sou o campeão.” No jogo derradeiro, Antetokounmpo acertou 17 dos 19 lances livres que chutou.

O astro grego tornou-se terceiro estrangeiro da história da NBA a ser eleito o MVP de uma série das finais. Os outros foram o francês Tony Parker, campeão pelo San Antonio Spurs em 2007, e o alemão Dirk Nowitzki, em 2011, pelo Dallas Mavericks.

O segundo título foi extremamente comemorado em Milwaukee. Antes, a equipe só havia faturado o título da NBA em ‘971, quando tinha como maior estrela o lendário Kareem Abdul-Jabbar, que, à época, ainda usava o nome de Ferdinand Lewis Alcindor Jr.

Continua após a publicidade

Publicidade