Clique e assine com 88% de desconto

‘Mestre e herói’: pilotos fazem homenagens nos 25 anos da morte de Senna

Brasileiro tricampeão de Fórmula 1 morreu em 1º de maio de 1994 em acidente durante o GP de San Marino

Por Da Redação - Atualizado em 1 maio 2019, 15h59 - Publicado em 1 maio 2019, 10h36

O mundo do esporte presta, nesta quarta-feira, 1º, homenagens a Ayrton Senna, nos 25 anos da morte do piloto em um acidente durante o GP de Fórmula 1 de San Marino, em Ímola. Em 1º de maio de 1994, o brasileiro colidiu sua Williams, a cerca de 200km/h, no muro da curva Tamburello. Senna recebeu os primeiros socorros na pista e foi levado de helicóptero a um hospital de Bolonha, mas não resistiu.

Conhecido pela ousadia ao pilotar na Fórmula 1, até mesmo sob forte chuva, o brasileiro conquistou três campeonatos (1988, 1990 e 1991) da categoria. Sua rivalidade com Alain Prost é lembrada como uma das maiores da F1 e o francês também homenageou o antigo rival em suas redes sociais: “Sempre conosco”. Pentacampeão e fã declarado de Senna, o inglês Lewis Hamilton também prestou tributo ao ídolo: “Um verdadeiro mestre, um herói”.

View this post on Instagram

Publicidade

Always with us 🙏

Publicidade

A post shared by A L A I N P R O S T (@a.prost) on

Em São Paulo, terra natal de Ayrton Senna, o Autódromo de Interlagos sedia nesta quarta-feira o festival Senna Day, que terá como atração principal um simulador de corrida, no qual os participantes poderão sentir a emoção de dar uma volta em um F1, narrada pelo ídolo. O simulador de corrida Motion Sphere leva as cores do capacete icônico do ex-piloto brasileiro e dará a sensação de estar de carona com o tricampeão mundial.

A história de Ayrton Senna em 100 objetos

O britânico Lewis Hamilton, pentacampeão da F1 (2008, 2014, 2015, 2017 e 2018), novamente ressaltou sua idolatria por Senna, seu ‘herói’. “Me lembro de ficar sentado vendo você na TV, aos 4 ou 5 anos de idade, ao lado de meu pai. Ayrton, o jeito como você pilotava me cativava desde o início e me trouxe para perto desse esporte incrível. Você é puro, um verdadeiro mestre, um herói. São 25 anos desde que você foi tirado de nós, mas você é eterno”, escreveu o piloto da Mercedes.

Publicidade

View this post on Instagram

Publicidade

#SennaSempre • Racer. Hero. Legend. Twenty-five years on, we remember Ayrton Senna, an icon of our sport. • We’d love to hear your enduring memories of the three-time world champion.

A post shared by FORMULA 1® (@f1) on

View this post on Instagram

Publicidade

O meu Ayrton….(complete) #sennaforever 🇧🇷💨

A post shared by Rubens Barrichello 1️⃣1️⃣1️⃣ (@rubarrichello) on

View this post on Instagram

Publicidade

I remember sitting there, right next to my Dad and watching you on the TV from the age 4 or 5. Ayrton, the way you raced captivated me from the very beginning and drew me closer to this incredible sport. You are a pure, out-and-out racer, a true master, a hero. It’s been 25 years since you were taken from us but you will live on for eternity 📷 @motorsport.images

Publicidade

A post shared by Lewis Hamilton (@lewishamilton) on

View this post on Instagram

Publicidade

1st of May 1994 the World of Motorsport changed forever, we lost Ayrton 🙏🏽. #25years #goat

A post shared by Jenson Button (@jensonbutton) on

Publicidade

View this post on Instagram

Publicidade

Eternamente dentro dos nossos corações. . . #SennaEterno #LuteAtéSerEterno #MeuAyrton . . 📷: Sergio Berezovsky/VEJA

A post shared by Corinthians (@corinthians) on

Publicidade