Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Messi receberá fã afegão que fez camisa de plástico

Pequeno Murtaza Ahmadi, de cinco anos, deve viajar à Espanha para conhecer craque do Barcelona

O garoto afegão de cinco anos que comoveu as redes sociais ao aparecer vestindo uma “camisa” feita com uma sacola plástica com o nome de Lionel Messi poderá, enfim, conhecer seu ídolo. Nesta segunda-feira, a Federação Afegã de Futebol (AFF) afirmou que foi procurada pelo staff do craque argentino para agendar um encontro com Murtaza Ahmadi, seu fã-mirim, que vive na província de Ghazni, no leste do Afeganistão.

“A Federação de Futebol do Afeganistão recebeu um e-mail de Messi sobre o encontro. Em breve, o sonho de Murtaza será realidade”, afirmou o porta-voz da federação, Syed Ali Kazemi.

Leia também:

Messi exibe ‘novo integrante da família’

Messi é chamado de ‘baixinho’ por rival e responde: ‘E você é muito ruim’

A imagem de Murtaza Ahmadi, vestindo o saco de lixo azul e branco transformado em camisa da seleção argentina, com o nome de Messi escrito com uma caneta, deu a volta ao mundo há duas semanas, quando seu irmão mais velho Homayoun, de 15 anos, publicou a imagem nas redes sociais.

A repercussão foi tanta que até outra criança reivindicou a autoria da camisa a uma TV do Curdistão. No entanto, a federação afegã confirmou que o fã se tratava realmente de Murtaza, que agora espera pelo encontro com o craque.

A AFF cogita enviar a criança e seu pai à Espanha ou levar Lionel Messi ao Afeganistão – a segunda opção, porém, parece bem pouco provável, devido à instabilidade que vive o país, assolado frequentemente por atentados do Talibã, e à agenda lotada do craque.

(Com agência AFP)