Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Messi diz que trocaria todas as bolas de ouro por uma Copa do Mundo

O craque argentino, eleito quatro vezes melhor jogador do mundo, participou de três Mundiais, mas foi eliminado em todas as oportunidades

Por Da Redação 11 jan 2016, 13h46

Uma declaração do craque Lionel Messi chamou a atenção horas antes da cerimônia de entrega do prêmio Bola de Ouro da Fifa. Durante a entrevista coletiva dos três candidatos a melhor jogador de 2015 – além do argentino, participaram Cristiano Ronaldo e Neymar -, ele foi questionado por um internauta se trocaria cinco bolas de ouro por uma Copa do Mundo. Messi deu um sorriso irônico, afirmou que se tratava de “pergunta maldosa” e não hesitou: “Obviamente ficaria com um Mundial. O coletivo está à frente do individual. Conseguir um Mundial é o máximo que um jogador pode atingir”, afirmou o camisa 10 do Barcelona, que já participou das Copas de 2006, 2010 e 2014, sendo eliminado em todas elas – na última, com sede no Brasil, a Argentina foi vice-campeã diante da Alemanha .

A coletiva também foi marcada por momentos curiosos e engraçados. Neymar e Messi, companheiros de ataque no Barcelona, estavam relaxados e sorridentes durante as perguntas. Já Cristiano Ronaldo não parecia tão à vontade: de braços cruzados e com um semblante sério, o português foi perguntado em francês se o seu próximo destino seria a França – rumores indicam que o Paris Saint-Germain estaria disposto a contratá-lo. Cristiano demorou a responder por causa de uma falha na tradução, mas mesmo assim afirmou ter “entendido” a pergunta. No entanto, intencionalmente ou não, o craque se meteu em uma saia justa e desviou do assunto ao dizer que Messi e Neymar são os favoritos para ganhar a Bola de Ouro.

Bola de Ouro da Fifa tem Neymar como azarão e brasileiro cotado para o Puskás

No final da coletiva, um jornalista perguntou a Messi e Cristiano Ronaldo o que cada um teria inveja do outro. “Inveja é uma palavra muito feia, cada um é como é e temos qualidades diferentes um do outro”, respondeu Messi. Cristiano afirmou que gostaria de ter pelo menos um atributo do argentino: “O meu pé esquerdo não é tão mau, mas o do Messi é melhor”. Neymar, que ficou de fora da pergunta, interrompeu e brincou. “Queria ter o pé esquerdo do Messi e o direito do Cristiano Ronaldo”, disse o brasileiro, tirando gargalhadas dos jornalistas e dos outros dois concorrentes. O evento da Bola de Ouro está previsto para começar às 15h30 (horário de Brasília). O site de Veja irá transmitir ao vivo a cerimônia à partir das 16h.

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade