Clique e assine com 88% de desconto

Membro do COI sugere time unificado das Coreias para Nobel da Paz

Equipe de hóquei de gelo jogou contra a Suíça nos Jogos de Inverno

Por Reuters - 11 fev 2018, 14h17

Uma importante membro americana do Comitê Olímpico Internacional (COI) sugeriu neste domingo que a equipe conjunta de hóquei no gelo da Coreia do Norte e da Coreia do Sul seja nomeada para o Prêmio Nobel da Paz.

Angela Ruggiero, quatro vezes campeã mundial de hóquei no gelo e medalha de ouro olímpica, disse à agência Reuters que pediria a nomeação da equipe, que incluiu 12 jogadoras da Coreia do Norte, que ainda está tecnicamente em guerra com o Sul.

Foi a primeira vez que uma equipe intercoreana competiu em Jogos Olímpicos. “Eu adoraria que o time ganhasse o Prêmio Nobel da Paz”, disse Ruggiero, membro do conselho executivo do COI, um dia depois que a equipe coreana unificada competiu nas Olimpíadas de Pyeongchang.

A Coreia do Sul sugeriu a formação de uma equipe conjunta como parte de seus esforços para usar os Jogos de Inverno para se reencontrar com o Norte e abrir caminho para negociações sobre o programa de armas do país vizinho.

Publicidade

A Coreia do Norte sofre fortes sanções da ONU e dos Estados Unidos, destinadas a pressionar o isolado país de partido único a abandonar o desenvolvimento de mísseis nucleares e balísticos.

“Como alguém que competiu em quatro Olimpíadas e sabe que não é sobre você, sua equipe ou seu país, eu vi o poder do que foi realizado na noite passada”, disse Ruggiero. A equipe jogou pela primeira vez no sábado, perdendo para a Suíça, mas conquistando a multidão, enquanto as torcedoras norte-coreanas e os fãs sul-coreanos festejavam as jogadoras.

Os países ainda estão tecnicamente em guerra, já que o conflito de 1950-53 terminou em uma trégua em vez de um tratado de paz. No entanto, a Coreia do Sul está mais disposta a se reencontrar com o Norte do que os Estados Unidos, que, por sua vez, quer que Seul continue fazendo pressão diplomática e econômica sobre o vizinho.

No mês passado, a Coreia do Norte concordou com a Coreia do Sul em enviar 22 atletas e uma torcida com 230 membros para os Jogos de Inverno.

Publicidade