Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Médico do Sport nega que Moacir viva drama com lesão e garante liberação

Por Da Redação 12 out 2011, 15h51

Com o veto do departamento médico ao titular Thiaguinho, foi renovada a possibilidade de que Moacir, que vive uma situação atípica no Sport desde o retorno por conta de lesões, pudesse receber uma nova chance e ser o titular da posição no duelo contra o Bragantino na próxima sexta-feira.

Desde que pisou novamente na Ilha do Retiro para apagar a dívida do rebaixamento, em 2009, Moacir teve um problema e duas lesões. O problema foi o fato dele não querer mais jogar na lateral direita, mas no meio-campo. As lesões, com duração de um mês cada, impediram que ele atuasse em quaisquer setores.

Moacir se apresentou ao clube logo no início da Série B e, das 29 partidas realizadas, atuou em apenas nove. Este número não o deixa satisfeito: ‘Nunca fiquei tanto tempo fora. Ao todo, dá dois meses e pouco. Esperava ajudar jogando todas as partidas. Quem me conhece, até na outra passagem aqui, sabe que nunca fui de ficar no DM. Fico decepcionado porque tinha o objetivo de vir e ajudar, mostrar um bom futebol’.

Mesmo brigando com Renato pela vaga de titular contra o time do interior paulista, Moacir saiu na frente na disputa, mas não está confirmado. Ele iniciou o treinamento desta quarta-feira no time titular, mas sentiu dores e foi sacado com pouco mais de 15 minutos de movimentação.

O médico do clube, Antônio Bezerra, disse que isso não é problema e que o jogador já está liberado e à disposição para entrar em campo: ‘São dores residuais simplesmente porque ele vem de um trabalho físico muito exigente. É apenas cansaço. Eu havia falado com o PC Gusmão de que, se ele sentisse alguma coisa, poderia ser sacado preventivamente do time para ficar em repouso. Afirmo que, de maneira nenhuma, o jogador está vetado’.

As outras dúvidas de PC Gusmão aos poucos estão sendo esclarecidas. Na lateral esquerda, o garoto Diogo, que vem se destacando nos treinamentos, ganhou uma chance na vaga de Wellington Saci, que foi deslocado para o meio e deve disputar posição com Maylson na vaga do suspenso Rithelly.

Continua após a publicidade

Publicidade