Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Massa troca sua folga no Brasil por mais trabalho na Ferrari

Com a vaga na equipe ameaçada, brasileiro ficou em Maranello para melhorar

Por Da Redação
28 mar 2012, 08h30

“Lembro que, quatro anos atrás, Felipe estava na mesma situação de hoje, mas ele conseguiu reagir da melhor maneira possível”, disse o chefe da escuderia italiana

As duas primeiras corridas do ano pela temporada 2012 da Fórmula 1 não animaram Felipe Massa, que buscará melhorar a performance no Grande Prêmio da China, dia 15 de abril. Na terça-feira, a Ferrari informou que o piloto não irá mais viajar ao Brasil, como havia planejado. Tudo para acompanhar os trabalhos dos engenheiros na fábrica da escuderia, em Maranello, na Itália. “Felipe mudou os planos e, ao invés de voltar ao Brasil para ver a família, ele estará em Maranello, amanhã, junto com os engenheiros para analisar detalhadamente tudo o que aconteceu nas duas últimas corridas e tentando identificar os motivos de não estar conseguindo mostrar todo o potencial que tem”, anunciou o chefe da Ferrari, Stefano Domenicali.

Leia também:

Leia também: Revista italiana afirma que Felipe Massa é inútil para a Ferrari

Continua após a publicidade

O italiano aprovou a decisão de Felipe Massa e espera ver resultados na sequência do campeonato. “Essa é a atitude correta e estamos prontos para ajudá-lo”, afirmou. O carro F2012 da Ferrari também é motivo de contestação. O brasileiro é alvo de diversas críticas da imprensa especializada, sobretudo da italiana, por causa da falta de bons resultados. No último domingo, a situação de Massa piorou com a vitória de seu companheiro Fernando Alonso e a segunda posição do mexicano Sergio Pérez, um dos pilotos apontados como seu possível substituto. Massa terminou a corrida na Malásia na 15ª colocação. “Lembro que, quatro anos atrás, justamente após o GP da Malásia, que foi vencido por Kimi Raikkonen para nós, Felipe estava na mesma situação de hoje. Os jornais estavam pedindo substituição imediata, mas ele conseguiu reagir da melhor maneira possível, vencendo duas das três corridas seguintes”, lembrou o chefe da Ferrari, mais uma vez demonstrando apoio a Massa.

(Com agência Gazeta Press)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.