Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Maracanã receberá mais R$ 200 milhões para reformas

As obras no palco da final da Copa de 2014 já estão 56% concluídas

Por Da Redação 11 jun 2012, 12h59

O vice-governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, confirmou nesta segunda-feira que a presidente Dilma Rousseff assinará, na próxima quarta, um empréstimo de 3,6 bilhões de reais do Banco do Brasil ao estado, sendo 200 milhões de reais destinados às obras do Maracanã, principal palco da Copa de 2014.

Leia também:

Leia também: Para Aldo Rebelo, atraso nas obras para 2014 é ‘impressão’

Fernando Pezão confirmou o empréstimo durante visita ao estádio do ministro do Esporte, Aldo Rebelo. O vice-governador disse que os 3,6 bilhões de reais serão usados para 14 intervenções no Rio, entre elas as obras do Maracanã, as quais 56% delas já estão concluídas. “A presidente Dilma vem na quarta-feira assinar esse empréstimo.” Com esse empréstimo, o Maracanã tem todas suas obras financiadas, totalizando 800 milhões de reais, sendo 200 milhões de reais emprestados pelo Banco do Brasil, 400 milhões de reais pelo Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) e 200 milhões de reais pela Comissão Andina de Financiamento (CAF). Aldo Rebelo, por sua vez, mostrou satisfação com o andamento das obras do Maracanã e qualificou como normais eventuais atrasos. “Estou com relativa tranquilidade quanto ao cumprimento do cronograma previsto e dos prazos. Não vejo muita diferença entre o prazo previsto e o atual. Há um atraso aqui e outro ali, mas não tem nada que não possa ser recuperado a tempo”. (Com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade