Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Mano diz que fará poucos testes na seleção em 2012

Por Da Redação 3 fev 2012, 12h20

Por AE

Rio – O técnico Mano Menezes confirmou nesta sexta-feira que não deverá fazer muitos testes na seleção brasileira nos amistosos que serão disputados neste ano. A intenção do treinador é consolidar a base da equipe que será utilizada em 2013 na Copa das Confederações e, principalmente, em 2014, na Copa do Mundo, ambas no Brasil.

“A seleção brasileira vai dar continuidade ao trabalho que vem sendo feito. Estamos mantendo uma base, só não foi possível nos últimos jogos da seleção no final do ano passado por causa das rodadas finais do Campeonato Brasileiro. Vamos seguir fazer o nosso trabalho. Diminuiremos as observações”, afirmou, em entrevista à TV Globo.

Para Mano, o momento é de consolidação de uma equipe, que precisa adquirir entrosamento e ter mais confiança. “Estamos indo para uma outra etapa. Mostrar ao torcedor o que estamos fazendo, com uma equipe mais consolidada. A manutenção do time faz com que os jogadores passem a ter mais segurança no projeto de 2014. E eles adquirem mais entrosamento”, declarou.

A seleção brasileira volta a jogar em 28 de fevereiro, no primeiro amistoso do ano, contra a Bósnia-Herzegovina, na Suíça. Em maio, a equipe vai enfrentar a Dinamarca, no dia 26, e os Estados Unidos, no dia 30. Depois, o Brasil vai encarar o México, em 3 de junho e a Argentina, em 9 de junho. A CBF também agendou um duelo com a Suécia para o dia 15 de agosto.

Em evento realizado no Rio na manhã desta sexta-feira, a CBF apresentou os novos uniformes da seleção brasileira. E a principal novidade exibida foi a extinção da polêmica tarja verde no peito. Mano garantiu ter aprovado o novo uniforme. “Está mais tradicional”, declarou. “Nós técnicos gostamos de dizer que nós acreditamos em trabalho, mas a sorte também ajuda”.

Continua após a publicidade
Publicidade