Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Luxa: plano é Grêmio acabar primeiro turno entre os cinco primeiros

Por Da Redação - 27 maio 2012, 21h52

Ciente que o Grêmio enfrentará o Palmeiras nas semifinais da Copa do Brasil, o técnico tricolor Vanderlei Luxemburgo evitou fazer grande análises do confronto entre as duas equipes neste domingo, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Bem humorado após a vitória gremista por 1 a 0, o treinador preferiu dar enfoque às próximas rodadas do Brasileirão, revelando seus planos para o primeiro turno do torneio.

‘Temos que trabalhar a competição. Minha ideia, o que nós queremos, é terminar o primeiro turno naquela parte boa da tabela, na zona de classificação para a Libertadores. Aí você traz reforços, tem 19 jogos pela frente. Se estivermos naquele bolo, a tendência é a coisa ficar boa’, explicou Luxemburgo.

O técnico, no entanto, não quis fazer comparações entre o confronto desta tarde e as próximas duas vezes em que Grêmio e Palmeiras se enfrentarão. Para ele, o nervosismo dos jogadores em torneios eliminatórios pode fazer com que dois jogos com as mesmas equipes sejam completamente diferentes.

‘Na Copa do Brasil, a maior mudança é o aspecto emocional. O treinador fica impossibilitado de fazer o que quer, botar o time para a frente, por exemplo. É a maior mudança do mata-mata’, disse.

Publicidade

Como as perguntas sobre as partidas da Copa do Brasil continuavam, Luxemburgo preferiu encerrar o assunto, brincando com o técnico palmeirense, Luis Felipe Scolari.

‘Tirei conclusões (da partida deste domingo), e o Felipão também tirou, mas não vou falar quais são. Você quer que eu seja auxiliar técnico dele? (risos)’, finalizou.

O primeiro jogo das semis será realizado no dia 13 ou 14 de junho, em Porto Alegre. Às 19h30 (de Brasília) da próxima quarta, o Tricololor visita o Atlético-GO pelo Brasileirão.

Publicidade