Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lutando contra a degola, Botafogo-SP encara Ituano em jogo ‘chave’

Quando tudo parecia se encaminhar para a sonhada recuperação após a goleada por 6 a 2 diante do Palmeiras, o Botafogo sofreu um gol na parte final do jogo com o Bragantino e acabou ficando no empate em 1 a 1. A retomada, então, terá de ser feita pelos tricolores neste sábado, às 18h30 (de Brasília), no estádio Santa Cruz, em jogo de seis pontos diante do Ituano.

Com dez pontos, o clube de Ribeirão Preto ocupa a 17colocação da competição, cinco atrás do Galo, 13 . Por isso, o embate é tratado como ‘essencial’ na briga contra a queda à Série A2.

Sem poder contar com Edson, vetado pelo departamento médico e único desfalque, o técnico Vágner Benazzi manteve a base do time que empatou com o Bragantino e testou novas formações com Clebinho, Gláuber, Lucas Dantas e Daniel durante a semana. Os titulares, porém, só serão definidos no dia do jogo.

Do outro lado, a ideia é manter a regularidade e utilizar o embalo após o emapte por 2 a 2 contra o São Caetano, conquistado nos últimos seis minutos de partida. Além disso, os rubro-negros querem se manter vivos na disputa por uma vaga na Série D do Brasileiro.

Para isso, precisam ultrapassar os concorrentes Paulista, Linense e Mirassol, que têm 19, 19 e 18 pontos, respectivamente.

‘Esperamos jogo difícil como é a característica do Paulistão. Este é mais uma decisão, chamado jogo de seis pontos. Não podemos perder e aproveitar a necessidade do adversário e encaixar um contragolpe e fazer um gol’, analisou o técnico Roberto Fonseca.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO-SP X ITUANO

Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP)

Data: 24 de março de 2012

Horário: 18h30 (de Brasília)

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira

Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Fabio Rogerio Baesteiro

BOTAFOGO: Rafael; Daniel, Marcos Aurélio, Reniê (Marquinhos) e Alex; Daniel Paulista, Thiago Ulisses, Leandro Carvalho e Camilo; Talles Cunha e Felipe

Técnico: Vágner Benazzi

ITUANO: Roberto; Jancarlos, Thiago Gomes, Victor Hugo e Gustavo; Rodrigo Costa, Alan Mota, Élton, Davi Ceará e Kleyton Domingues; Tiago Bezerra

Técnico: Roberto Fonseca