Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Lula e todo o mundo esportivo brasileiro lamentam morte de Sócrates

Por Da Redação 4 dez 2011, 13h08

Brasília, 4 dez (EFE).- A morte do ex-jogador Sócrates, ocorrida na madrugada deste domingo, comoveu o país e foi lamentada por pessoas ligadas ao esporte e até políticos, como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que através de uma nota declarou: ‘Obrigado, Doutor’.

A CBF também mostrou pesar pela perda de Sócrates Brasileiro Sampaio de Sousa Vieira de Oliveira, que morreu aos 57 anos no hospital Albert Einstein, na Zona Sul de São Paulo, por conta de um choque séptico decorrente de múltiplos problemas causados por seus excessos com o álcool.

‘Considerado um dos jogadores mais brilhantes da história da seleção, Sócrates defendeu ao Brasil nas Copas do Mundo da Espanha, em 1982, e do México, em 1986, e foi ídolo do Corinthians’, afirma a confederação em nota, na qual destacou os 25 gols em 63 jogos do ex-atleta com a camisa da seleção.

A CBF informou também que o corpo de Sócrates será velado e sepultado ainda neste domingo na cidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, às 17h (de Brasília), exatamente no mesmo momento em que começarão os jogos da última rodada do Campeonato Brasileiro, em que o Corinthians precisa de um empate contra o Palmeiras para fica com o título.

Em todas as partidas deste domingo, será respeitado um minuto de silêncio em memória do ex-jogador, que também é lembrado por sua ativa militância em movimentos de esquerda, sobretudo nas décadas de 1970 e 1980, quando o país era governado pela ditadura militar.

Entre as muitas mensagens de pesar, se destacou a divulgada por Lula, que atualmente está em tratamento contra um câncer na laringe.

Continua após a publicidade

Torcedor corintiano, o ex-presidente afirmou: ‘Sócrates foi um craque no campo e um grande amigo. Foi exemplo de cidadania, inteligência e consciência política. Sua contribuição ao Corinthians, ao futebol e à sociedade brasileira jamais será esquecida’.

Lula encerrou a nota com a frase ‘obrigado, Doutor’, a mesma utilizada pela diretoria do Corinthians para encerrar uma nota em homenagem a Sócrates, que, como destaca o texto, disputou 297 jogos com a camisa alvinegra, tendo marcado 172 gols e conquistado os títulos do Campeonato Paulista de 1979, 1982 e 1983.

‘O Sport Club Corinthians Paulista e toda a sua Fiel Torcida se despedem com tristeza do Magrão, mas também ficamos agradecidos pela honra de ter visto um dos maiores jogadores da história do futebol vestindo o manto alvinegro por tantos jogos’, diz o comunicado.

As redes sociais também serviram para manifestações de pesar, principalmente de pessoas ligadas ao esporte. Foi o caso do ex-atacante Ronaldo, que encerrou a carreira neste ano, defendendo o Corinthians.

‘O dia começou triste. Descanse em paz, Dr. Sócrates’, escreveu Ronaldo através de sua conta no Twitter, mesma ferramenta utilizada pelo ex-tenista Gustavo Kuerten.

‘Muita paz e luz ao Sócrates e toda sua família. Adorava tênis, presente em várias Copas Davis. Deixa saudades. Que Deus lhe proteja, amigo’, declarou Guga.

Outro que se uniu às homenagens via Twitter foi o piloto Hélio Castroneves, da Fórmula Indy, que manifestou seu ‘profundo pesar’ pela morte de ‘um brasileiro que fará muita falta’. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade