Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Luis Fabiano pode pegar gancho de 12 jogos por expulsão de domingo

Por Da Redação - 19 jun 2012, 20h03

A punição escolhida pela diretoria em relação a Luis Fabiano é mantida em segredo, mas o gancho que o atleta pode pegar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) se tornará público em algumas semanas. O atacante será denunciado em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) e pode ser suspenso por até 12 jogos.

O que complica o ídolo da torcida são-paulina é a súmula do árbitro Elmo Resende da Cunha. O juiz relatou que, aos 40 minutos do segundo tempo da vitória tricolor por 1 a 0 sobre o Atlético-MG, nesse domingo, no Morumbi, Luis Fabiano lhe disse ‘P…, marca só uma, seu m…, tá (sic) inventando desde o início, é muito fraco. Seu filho da p…, você é um v…, dá vontade de meter o soco na sua cara, vagabundo, te encher de pancada’.

Por isso, o camisa 9 do São Paulo passará por julgamento no artigo 243-F por ‘ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto’, com risco de multa entre R$ 100 e R$ 100 mil e suspensão de uma a seis partidas. O astro também será julgado com base no artigo 258 por ‘assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva’, com suspensão de uma a seis partidas.

A punição do STJD ao centroavante pode surgir da soma dos ganchos indicados nos dois artigos. Mas o departamento jurídico acredita que a pena não será tão grande. Existe até a esperança de conseguir a absolvição do jogador, mas a maior expectativa é de reduzir ao mínimo a suspensão.

Publicidade

Para a diretoria são-paulina, o que mais irritou não foi apenas a expulsão de domingo, mas o retrospecto do atleta neste Campeonato Brasileiro. Nas quatro partidas que participou, Luis Fabiano levou três cartões amarelos e um vermelho. Pesa também o fato de ter cumprido suspensão por amarelos na semifinal do Paulista, quando o time foi eliminado pelo Santos.

Publicidade