Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Lorenzo ultrapassa Stoner e vence GP de San Marino

Por Da Redação 4 set 2011, 10h25

O Grande Prêmio de San Marino de MotoGP trouxe um possível início de reação do espanhol Jorge Lorenzo. Atual campeão mundial, o piloto da Yamaha ultrapassou o líder da temporada 2011 Casey Stoner e só administrou a vantagem para vencer e diminuir a diferença na tabela do campeonato deste ano.

Stoner conseguiu a pole position, mas aparentemente teve problemas com sua moto e não conseguiu repetir a velocidade obtida no ‘qualifying’. Resultado disso foi a forte aproximação de Lorenzo já no começo da prova. Sem conseguir defender a posição, o piloto da Honda foi rapidamente ultrapassado pelo rival.

Se Lorenzo deslanchou na ponta e liderou com sobras, Stoner ainda teve que se preocupar com o companheiro de equipe, Dani Pedrosa. Bastante lento, ele viu o espanhol ultrapassá-lo sem poder fazer muito para recuperar a posição, e ainda ficou a mais de 4s de distância do piloto número 26, terminando apenas na terceira colocação.

A disputa pela quarta colocação também trouxe um belíssimo final de prova. Nas duas últimas voltas, Marco Simoncelli brigou diretamente com Andrea Dovizioso – com quem disputa também a renovação de contrato com a Honda, ambos observados de perto por Ben Spies.

O piloto da Gresini Honda mantinha bem a posição, mas começou a perder rendimento até que em um momento de desatenção foi ultrapassado por Dovizioso por fora em uma curva. Rapidamente, ele acelerou e retomou o quarto lugar. Alguns metros à frente, o piloto da Honda voltou a ultrapassar e ser ultrapassado por Simoncelli, até que em dado momento da briga, Spies – que só observava a disputa à sua frente – resolveu atacar e ultrapassou a ambos.

No entanto, logo na curva seguinte, o segundo piloto da Honda foi ultrapassado por Simoncelli e Dovizioso – que já havia perdido a quarta posição uma terceira vez. Nos metros finais, Marco viu a forte aproximação de Dovizioso, mas conseguiu cruzar a linha de chegada apenas 0s037 à frente do adversário, com Spies em sexto. Valentino Rossi melhorou um pouco seu qualificatório, e terminou em sétimo.

‘Tempos a seguir.’

Continua após a publicidade
Publicidade