Clique e assine a partir de 8,90/mês

Lorenzo é tricampeão no MotoGP, apesar de corrida espetacular de Rossi

Por Da Redação - 8 nov 2015, 11h06

O espanhol Jorge Lorenzo tornou-se neste domingo tricampeão do MotoGP, ao vencer em casa, no circuito de Valência, a última corrida da temporada. Ele bateu seu companheiro de equipe Movistar Yamaha MotoGP, o italiano Valentino Rossi, que liderava o campeonato e buscava o oitavo título da carreira.

O caminho que levou à corrida decisiva foi tenso. Há duas semanas, Rossi acusou outro espanhol, Marc Márquez, da Honda, de ter feito um acordo com Lorenzo para protegê-lo na pista e ajudá-lo a conquistar o tricampeonato. Os espanhóis negavam que existisse tal acerto. Logo depois, na penúltima prova da temporada, na Malásia, Rossi e Márquez se envolveram em um acidente, depois de uma longa briga pela terceira posição. O espanhol caiu depois de levar um chute de Rossi, que acabou punido pela Federação Internacional de Motociclismo (FIM) e largou na última posição neste domingo.

Com sete pontos de vantagem sobre Lorenzo, Rossi precisava chegar em segundo para garantir o título. Ele fez vinte e duas ultrapassagens, numa corrida espetacular, mas acabou em quarto – atrás, justamente, de Máquez e seu companheiro de equipe na Honda, o também espanhol Dani Pedrosa, que, segundo os admiradores do piloto italiano reclamavam na internet, “escoltaram” o compatriota Lorenzo até a bandeirada final.

Em entrevista depois da corrida, Rossi voltou a criticar Márquez e disse que os espanhóis prepararam um “biscottone”, termo futebolístico em italiano usado quando duas equipes combinam um empate que favorece as duas.

“Na segunda parte da temporada, Lorenzo foi muito bem, mas desde Phillip Island (Austrália, em 18 de outubro) aconteceu algo estranho. O comportamento de Márquez foi embaraçoso. Tive de brigar com dois pilotos. Mas todos hoje puderam ver qual era o plano dele”, disparou. “Lorenzo é um grande piloto e teria sido estupendo disputar o Mundial na pista. Acredito que ele nem sequer está contente com a forma como tudo aconteceu”, completou.

Continua após a publicidade
Publicidade