Clique e assine a partir de 9,90/mês

Liga dos Campeões: Neymar diz estar ‘perfeito’ para jogo com Real Madrid

Atacante brasileiro do Paris Saint-Germain foi visto por jornalistas espanhóis acompanhando as finais da Copa Davis de tênis

Por Gazeta Press - Atualizado em 20 Nov 2019, 10h21 - Publicado em 20 Nov 2019, 10h19

O atacante Neymar vem se recuperando de uma lesão na coxa esquerda e dúvidas sobre seu estado de saúde seguem pairando na cabeça dos torcedores do Paris Saint-Germain. Na noite da última terça-feira, porém, o craque foi visto nas tribunas das finais da Copa Davis de tênis e tentou dar um fim aos rumores.

“Estou perfeito, estou perfeito”, disse o camisa 10 a um jornalista do programa da TV espanhola El Chiringuito, meio impaciente com o assédio. A resposta foi dada no contexto da partida contra o Real Madrid, pela Liga dos Campeões, na próxima terça-feira.

Neymar esteve na cidade espanhola para acompanhar a partida do tenista Rafael Nadal pela Copa Davis. O atual número 1 do mundo no ranking da ATP comandou a virada da Espanha sobre a Rússia, contra Karen Kachanov, por 6/3 7/5, em 2h12 de duelo. Foi a segunda rodada do grupo B no torneio – os outros resultados foram vitória de Andrey Rublev em Roberto Bautista-Agut e de Marcel Granollers e Feliciano Lopez sobre Khachanov e Rublev.

Por fim, como não podia ser diferente, o brasileiro foi perguntado sobre um possível retorno ao Barcelona, ao qual ele respondeu brincando: “sempre falam de mim”.

Continua após a publicidade

Neymar não atua desde o último dia 14 de outubro por conta de uma lesão de grau 2 na coxa, adquirida no amistoso entre seleção brasileira e Nigéria. Na última terça-feira ele voltou a treinar com o grupo e, segundo jornais internacionais, como o L’Équipe, ele pode entrar em campo contra o Lille, pelo menos alguns minutos, neste final de semana, pelo Campeonato Francês. O próximo compromisso da equipe, então, será o Real Madrid, pela Champions.

No nacional, o PSG é o líder da competição, com 30 pontos conquistados, oito a mais que o segundo colocado, o Olympique de Marselha. Na Liga dos Campeões a história se repete: liderança do grupo A, com 12 pontos (quatro jogos e quatro vitórias).

Publicidade