Clique e assine a partir de 9,90/mês

Líder invicto, ABC quer manter boa campanha diante do Potiguar

Por Da Redação - 31 jan 2012, 15h29

O ABC faz a melhor campanha no Campeonato Potiguar e ocupa a liderança isolada da competição. Entretanto, os jogadores abecedistas procuram não comemorar muito a invencibilidade, e já estão se concentrando para a próxima partida, diante do Mossoró de Potiguar, nesta quarta-feira, às 20h30 (horário de Brasília).

‘É muito bom você sair vencedor em um clássico, ainda mais da forma que foi, com uma bela apresentação, que nos mantém na liderança. Mas, já passou e agora temos que pensar no Potiguar, nosso próximo adversário’, disse o capitão Renatinho, lembrando da vitória no clássico diante do América, no domingo.

‘Vamos nos preparar bem, pois teremos outro jogo complicado pela frente. O Potiguar é um time de tradição, tem bons jogadores e precisaremos entrar focados e concentrados, como temos feito até agora, para conseguirmos mais uma vitória, que será muito importante’, emendou.

Outro jogador do elenco a fazer coro ao discurso do capitão é o zagueiro Leonardo. Para ele, a equipe alvinegra não pode relaxar nas próximas partidas.

Continua após a publicidade

‘Sabemos que estamos crescendo, somos líderes da competição, vindo de três vitórias seguidas, mas não podemos de forma alguma relaxar. Ainda temos coisas melhorar, jogos difíceis pela frente e se quisermos conquistar os nossos objetivos precisamos nos dedicar cada vez aos trabalhos.’

Leonardo, um dos destaques do ABC neste início de temporada, ressalta ainda a importância de jogar no Frasqueirão, com o apoio da torcida alvinegra, para o time conquistar a quarta vitória na competição.

‘Jogaremos dentro de casa, com o apoio do nosso torcedor, e sabemos da importância de um resultado positivo para ficarmos mais perto da classificação para a fase final. Vamos fazer de tudo para conquistarmos mais uma vitória.’

Para a partida, o ABC não poderá contar com o volante Bileu, que cumpre suspensão automática depois de ter recebido o terceiro cartão amarelo no primeiro Clássico-Rei do ano. O técnico Leandro Campos ainda não tem um substituto imediato, e a definição deverá sair no treino coletivo que a equipe realiza na tarde desta terça-feira. Entre as opções disponíveis, Campos poderá escalar Luiz Ricardo, Carlinhos Santos e Basílio, que ficou fora dos gramados por muitos meses se recuperando de uma lesão.

Publicidade