Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Léo pede que torcida jogue junto para Santos voltar à Libertadores

Depois da eliminação para o Corinthians na Copa Libertadores de América, o Santos já sofre cobranças da torcida e pressão para um bom desempenho no Campeonato Brasileiro, única competição que resta à equipe na temporada. Ainda mais depois de um empate em casa por 2 a 2 com o Coritiba, neste domingo. Para o experiente lateral-esquerdo Léo, esse comportamento da torcida só vai prejudicar ao Santos.

‘Tem que ter paciência. Alguns torcedores teminaram a partida xingando, cobrando. Não é por aí. Foi só o primeiro jogo depois da eliminação. Estão fazendo tumulto depois de três anos em que o Santos vinha ganhando tudo que disputava. Tem que jogar junto para voltarmos à Libertadores’, disse Léo, à rádio’ Estadão/ESPN’.

Assim como todo o elenco santista, o jogador sentiu muito a queda na competição sul-americana, mas exaltou o time.

‘Essa eliminação não estava nos nossos planos. O grupo todo está incomodado. Nós não podemos ficar lamentando, temos que reagir. Não é normal para o Santos ficar sofrendo assim, a equipe tem qualidade’, contou.

‘A torcida vai cobrar, mas termos que melhorar a cada jogo. O Brasileiro está só começando e Libertadores do ano que está em aberto’, continuou o lateral de 37 anos.

Para a sequência da temporada, o Santos já não conta mais com Alan Kardec, titular do ataque. A partir de 8 de julho, quando os convocados para a seleção olímpica se apresentam para treinamentos, Neymar, Ganso e Rafael também desfalacam a equipe. Os jovens podem ficar de fora por até nove rodadas do Brasileiro. Sobre essas dificuldades, Léo prefere não usar como desculpas.

‘Não acredito que o ano esteja perdido. Dificuldades de Olimpíada devia ser visto lá atrás. Com o grupo que temos, reforços que podem cehgar, temos que fazer por onde. Futebol é assim’, finalizou.