Clique e assine a partir de 8,90/mês

Lenda ‘garante’ Olimpíada sem chuva e contradiz previsão

Por Da Redação - 15 jul 2012, 21h00

Por Amanda Romanelli

Londres – No julho mais chuvoso dos últimos tempos, Londres teve um raro dia seco no verão atípico que vem enfrentando. Se a temperatura não foi tão alta (não passou dos 20 graus) e o sol apareceu timidamente, a ausência da chuva é um bom augúrio para a Olimpíada que está por vir. Isso porque, neste domingo, 15 de julho, comemora-se o dia de Santo Swithin.

A lenda corre o Reino Unido: o clima que fizer a cada 15 de julho se repetirá pelos 40 dias seguintes. E os organizadores dos Jogos Olímpicos, que começam no dia 27, tiveram motivo para comemorar. De acordo com o Met Office, órgão de meteorologia do governo britânico, este foi o primeiro dia completamente seco desde o fim do mês de maio.

As chuvas fora de época, mesmo para uma cidade conhecida por seu tempo fechado e com tendência às precipitações, trouxeram preocupação ao Comitê Organizadores da Olimpíada. Duas arenas da competição, que vão receber os torneios de hóquei sobre grama e vôlei de praia, são totalmente descobertas. E no Estádio Olímpico, onde serão realizadas as cerimônias de abertura e encerramento, além das disputas do atletismo, os lugares mais privilegiados – ou seja, perto da pista – são desprotegidos.

O Reino Unido acabou de sair do mês de junho mais chuvoso desde 1910, ano de início das medições meteorológicas, e o recorde também deve ser batido ao fim do mês corrente. Isso porque, uma frente fria que normalmente surge ao norte do Reino Unido no verão, foi deslocada para o sul este ano. Até por isso, os meteorologistas não são otimistas com a manutenção do tempo seco – a imprevisibilidade do clima em Londres não está a salvo nem da crença de Santo Swithin.

O Comitê Organizador dos Jogos afirmou que há tempo suficiente no programa da competição para que eventos possam ser reagendados. Para as regatas da vela, modalidade que depende de bom tempo, há a opção de outras cinco cidades, caso Weymouth não apresente boas condições de navegação.

O Met Office vai monitorar, hora a hora, as condições meteorológicas de cada uma das sedes da Olimpíada. Um auxílio e tanto para organizadores, atletas e torcedores.

Continua após a publicidade
Publicidade