Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leão pede que pendurados não tomem cartões ‘bobos’

Por AE

São Paulo – O São Paulo joga as quartas de final do Campeonato Paulista diante do Bragantino, neste sábado, no Morumbi. Uma das preocupações para a partida é o número de jogadores pendurados. São cinco atletas que ficarão de fora de uma possível semifinal se receberam o cartão amarelo: Denilson, Rhodolfo, Rodrigo Caio, João Filipe e Luis Fabiano.

“Vou dizer a eles para jogarem normalmente. No dia que você começar a violentar a condição do atleta, se tentar tornar um jogador explosivo dócil, ele pode se perder no meio e não ser uma coisa nem outra. Eles devem jogar normalmente. O que não pode é tomar cartão por reclamação, chutar a bola depois do apito, essas coisas”, declarou o técnico Emerson Leão.

Um dos jogadores mais “explosivos” do elenco é o pendurado Luis Fabiano, que teve uma reunião particular com o treinador. Leão, no entanto, negou que o teor da conversa tivesse ligação com os cartões amarelos. “Não vamos limitar sua movimentação, prefiro ele 100% do que preocupado em não tomar cartão, caso contrário ele não vai ser o mesmo”, garantiu.

TREINO DE JOGADAS AÉREAS – Ainda nesta sexta-feira, Leão comandou um treino tático no São Paulo, com foco nas jogadas de bola parada. Sempre com o meia Jadson, o técnico exigiu a repetição exaustiva de cobranças de faltas e escanteios.