Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leão admite que São Paulo ainda precisa de evolução

Por Fernando Faro

São Paulo – O São Paulo chega às quartas de final do Campeonato Paulista com a segunda melhor campanhada competição – atrás apenas do Corinthians -, com 43 pontos em 19 partidas. Mesmo com os bons resultados na primeira fase, o time alterna entre bons e maus momentos, como a derrota por 2 a 1 diante do Linense, na última rodada. Por isso, o técnico Emerson Leão avaliou que a equipe precisa evoluir.

“O padrão está definido desde o primeiro dia, o que estamos fazendo agora é aprimorando. Foi ele que nos trouxe tranquilidade e aumentou a nossa autoconfiança também e estamos aprimorando. Ele que nos trouxe até aqui e precisamos aprimorá-lo”, declarou, nesta sexta-feira.

Para isso, o treinador está tentando aproveitar o melhor momento de cada atleta. Ele apontou que as alterações na escalação, como a saída de Casemiro, que acabou resultando na entrada de Fernandinho como titular, dependem do “brilho do atleta”.

“Depende muito do brilho dos atletas. Às vezes você entra com uma formação e vê que é necessário mudar por um momento infeliz de um atleta. Você precisa ter coragem, entender que, mesmo sendo um bom aleta, precisa ser substituído. Quando muda, muda por algum motivo, é porque não está legal”, comentou.

Mesmo assim, Leão fez questão de elogiar Casemiro, exaltou o amadurecimento do jogador e comparou sua importância à de Kaká no Real Madrid. “Casemiro está amadurecendo, está na hora. Ele faz parte daquele grupo que pode jogar ou não, mais ou menos como alguns craques na Europa. Parece o Kaká, vamos dizer. Todo mundo sabe que é um baita de um craque, mas está no banco e quando entra, resolve”, avaliou.