Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lanterna Duque de Caxias recebe o ameaçado São Caetano

São Caetano e Duque de Caxias se enfrentam nesta terça-feira, às 20h30 (de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda pela 26rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O time da Baixada Fluminense é o lanterna da competição com apenas dez pontos ganhos e já pode ser considerado virtualmente rebaixado para a Série C nacional. O Azulão ocupa a 18posição com 26 pontos e precisa desesperadamente de uma vitória para melhorar sua situação na competição.

O Duque de Caxias vem de derrota para a vice-líder Ponte Preta, fora de casa, e o treinador Paulo Campos não sabe mais o que fazer para melhorar a produção da equipe. Ele não poderá contar com o meia Abedi, expulso no duelo contra a macaca.

Na semana passada, a diretoria liberou quatro jogadores e a tendência é de que outros sejam dispensados nos próximos, já que a diretoria perdeu as esperanças de ver o time escapar do rebaixamento. Os atacantes Dudu e Galvão que estavam no departamento médico podem reforçar o time diante do Azulão, mas Paulo Campos só definirá o time nos vestiários.

No São Caetano, o técnico Márcio Araújo, que conseguiu dois empates depois que assumiu o cargo, espera obter finalmente a sua primeira vitória. Ele sabe que o adversário não deve contar com apoio da torcida, uma rotina nos jogos da equipe do Rio de Janeiro, e acredita que isso pode facilitar as coisas para o seu clube.

O treinador ainda não sabe se poderá contar com os meias Luciano Mandi e Fernandes, que também não enfrentaram o Icasa por estarem lesionados. Por isso, a definição da equipe só acontecerá momentos antes do jogo em Volta Redonda.

FICHA TÉCNICA

DUQUE DE CAXIAS X SÃO CAETANO

Local: Estádio Raulino de Oliveira(Volta Redonda)

Data: 27 de setembro de 2011, terça-feira

Horário: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Vinicius Costa da Costa (RS)

Assistentes: Rafael Alves (RS) e Maurício Penna (RS)

DUQUE DE CAXIAS: Marcelo Carné; Everton Silva, Paulão, Santiago e Ernani; Felipe Machado, Julio Cesar, Edu Pina e Tony; Dudu (Galvão) e Gilcimar

Técnico: Paulo Campos

SÃO CAETANO: Luiz; Thiago Martinelli, Preto Costa e Revson; Artur, Augusto Recife, Souza, Kleber (Luciano Mandi) e Bruno Recife (Fernandes); Antônio Flávio e Ricardo Xavier

Técnico: Márcio Araújo