Clique e assine com 88% de desconto

Lais Souza publica foto em que aparece de pé, com estabilizador

Ex-ginasta ficou tetraplégica em acidente de esqui há quatro anos e luta para recuperar movimentos. "Quem acredita sempre alcança", escreveu

Por Da redação - Atualizado em 21 set 2018, 15h15 - Publicado em 21 set 2018, 10h55

A ex-ginasta Lais Souza comoveu seus fãs e seguidores ao postar, nesta quinta-feira, uma imagem em que aparece de pé, com o auxílio de uma órtese, uma espécie de estabilizador. A ex-ginasta de 29 anos ficou tetraplégica em janeiro de 2014 ao sofrer um acidente de esqui na neve e desde então vem apresentando evolução em seu tratamento.

View this post on Instagram

Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena Acreditar no sonho que se tem Ou que seus planos nunca vão dar certo Ou que você nunca vai ser alguém Tem gente que machuca os outros Tem gente que não sabe amar Mas eu sei que um dia a gente aprende Se você quiser alguém em quem confiar Confie em si mesmo Quem acredita sempre alcança.

A post shared by Lais Souza (@lalikasouza) on

Publicidade

“Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena acreditar num sonho que se tem”, escreveu, citando um trecho da música Mais Uma Vez, da Legião Urbana. Desde o ano passado, Lais tem conseguido ficar de pé com o auxílio do aparelho durante suas sessões de fisioterapia.

View this post on Instagram

Descarga de peso na perna esquerda e tentando manter o tronco 🖖♿♿♿ @estacio_brasil @neymarjr @dodamiranda

A post shared by Lais Souza (@lalikasouza) on

Publicidade

Em recente depoimento a VEJA, Lais Souza falou sobre sua luta diária para tentar recuperar os movimentos e contou que tem sensibilidade em alguns pontos do corpo e consegue fazer pequenos movimentos na parte superior.

Depois do acidente, achei que não fosse mais me surpreender, sentir adrenalina, mas a vida me mostrou que isso ainda é possível. Tenho sensibilidade embaixo do pé, na barriga, nas costas e em alguns pontos da mão. O músculo do meu bíceps também vibra muito nos exercícios, isso é novo. Eu me sinto mais forte, mas vou devagar”, contou. 

Publicidade