Clique e assine com até 92% de desconto

Kelly Slater já trata Gabriel Medina como seu principal rival

Maior surfista de todos os tempos diz que brasileiro de 20 anos é o competidor 'mais perigoso do mundo' hoje. 'Ele é completo. Sou um grande fã desse cara'

Por Da Redação 27 ago 2014, 19h55

Para o melhor surfista de todos os tempos, o atleta mais perigoso e promissor da modalidade no momento é um brasileiro de 20 anos. Derrotado por Gabriel Medina na final do Billabong Pro do Taiti, no início da semana, o americano Kelly Slater, de 42 anos, onze vezes campeão mundial, publicou nesta quarta-feira uma foto sua com o brasileiro, de 20, no Instagram. Para acompanhar a selfie, tirada no momento da premiação no Taiti, o lendário surfista americano escreveu uma longa mensagem elogiando Medina. “Há mais gente falando sobre esse cara do que sobre qualquer outra pessoa hoje, e com razão. Ele é o sujeito mais perigoso do mundo do surfe”, afirmou Slater. Citando as três etapas do circuito mundial vencidas por Medina nesta temporada, Slater se mostrou espantado com a versatilidade do brasileiro.

Leia também:

Medina é campeão no Taiti e dispara na ponta do Mundial

​O voo de Gabriel Medina, o jovem ídolo do surfe brasileiro

“É por isso que ele é uma ameaça tão grande. Ele vence mesmo com ondas e condições nas quais não tem muita experiência. Ele é mais determinado e faminto pela vitória do que qualquer outro surfista. Ele é completo e passou por todos os testes a que foi submetido.” Slater deixou claro que enxerga Medina, líder de pontos da atual temporada, como o favorito disparado ao título mundial deste ano. “Farei tudo o que puder para parar esse cara, mas sou um grande fã do surfe dele e ele é um cara muito legal.” Por fim, o “Pelé do surfe” afirma que o jovem brasileiro tem um futuro brilhante. “Ele vai aceitar e lidar com todos os desafios.” Slater encerra a mensagem mandando um recado ao rival brasileiro: “Parabéns por sua vitória no Taiti e prepare-se para uma carreira enorme”. O próximo duelo entre Slater e Medina pode acontecer em setembro, na Califórnia, na oitava etapa do circuito mundial. O campeonato termina em dezembro, no Havaí.

Continua após a publicidade
Publicidade