Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Keila Costa não se classifica à final do salto triplo

Brasileira ficou a seis centímetros da classificação, em 13º lugar

Única representante do Brasil nas disputas desta manhã no quarto dia do Mundial de Atletismo, em Moscou, Keila Costa não se classificou para a final do salto triplo, nesta terça. A pernambucana, que bateu o recorde brasileiro em junho com a marca de 14,58 metros, não passou dos 13,82 metros no Estádio Luzhniki e terminou na 13ª colocação. Foram seis centímetros e uma posição que a separaram da última classificada, a eslovaca Dana Veldakova, que ficou em 12º lugar. A ucraniana Olga Saladuha foi a melhor atleta das eliminatórias, com 14,69 metros. A final será nesta quinta-feira, às 12h40 (horário de Brasília).

Leia também:

Usain Bolt conquista título mundial dos 100 metros

Usain Bolt aceita correr 600 metros contra britânico Farah

Também nesta terça, a Rússia garantiu sua segunda medalha de ouro na marcha atlética, na prova dos 20 quilômetros para mulheres. A campeã olímpica Elena Lashmanova, 21 anos, faturou o título em casa, com 1h27min08. No pódio, foi seguida pela compatriota Anisya Kirdyapkina, que chegou três segundos depois. A chinesa Hong Liu foi bronze, com 1h28min10.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte no Twitter

Nas eliminatórias dos 5.000 metros, Mo Farah não teve problemas para continuar em busca pelo segundo título e conquistar em Moscou a dobradinha que conseguiu na Olimpíada de Londres – ele venceu os 10.000. Farah passou para a final com o oitavo tempo (13min23s93), enquanto o etíope Muktar Edris conseguiu a melhor marca (13min20s82). A briga por medalhas será na sexta-feira, às 13h45.

(Com Estadão Conteúdo)