Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Justin Wilson vence etapa do Texas; Castroneves fica em sétimo

Por Da Redação 10 jun 2012, 01h27

Muitas bandeiras amarelas e emoções marcaram a etapa do Texas da Fórmula Indy. Melhor para Justin Wilson, que viu o triunfo cair em seu colo. Foi a terceira vitória do piloto da Dale Coyne na Fórmula Indy. Graham Rahal fechou a prova em segundo, com Ryan Briscoe logo atrás, na terceira colocação.

Entre os brasileiros, Helio Castroneves, da Team Penske cruzou a linha de chegada em sétimo e Tony Kanaan, da KV, terminou na 11posição. Rubinho Barrichello. Com problemas, sequer chegou a sair dos boxes.

A próxima etapa da Fórmula Indy será disputada no circuito oval de Milwaukee, no próximo final de semana.

A corrida – Na etapa do Texas, as emoções começaram logo antes de a corrida começar. E o bom desempenho de Rubens Barrichello na classificação, conseguindo um 13lugar no grid, de nada adiantou. Com problemas mecânicos, o brasileiro da KV sequer saiu dos boxes.

Nas primeiras voltas, Alex Tagliani, que conquistou a pole-position na sexta-feira, conseguiu manter a liderança. Mas a alegria do canadense durou somente até a volta 20, quando Scott Dixon, da Chip Ganassi, assumiu a ponta da corrida. Logo depois, Tagliani já estava em terceiro.

Na volta 30, foi a vez de a primeira bandeira amarela aparecer, após uma batida de Charlie Kimball na curva 4. Os pilotos aproveitaram para parar nos boxes. Na relargada, Dixon manteve a primeira posição e Graham Rahal veio logo atrás, em segundo.

Helio Castroneves, da Penske, vinha em décimo e Tony Kanaan, mesmo após problemas no bico, ficou em 15 .

Takuma Sato, da Rahal Letterman, vinha realizando uma boa prova. Largando em 20 , o japonês teve uma boa recuperação e chegou a estar na sexta posição na volta 50. Porém, 14 voltas mais tarde, o ex-piloto da Fórmula 1 jogou tudo por água abaixo e abandonou a prova após bater na saída da curva 2. Mais uma bandeira amarela.

Ryan Hunter-Reay, da Andretti, se encaminhou aos boxes com um problema mecânico e também foi obrigado a abandonar a prova, na volta 66.

A relargada aconteceu na volta 71. Tony Kanaan foi bem, logo ultrapassou seis oponentes e subiu para décimo.

Na volta 122, quando ocupava a terceira colocação, Kanaan fez a sua parada. Na volta, o piloto da KV manteve um bom ritmo na corrida e foi ganhando posições e, algumas voltas mais tarde, assumiu a quarta posição. O baiano começou a pressionar Ryan Briscoe, da Penske, que estava em terceiro.

Ernesto Viso, com problemas, encostou seu carro no lado da pista e foi o responsável por causar a terceira bandeira amarela na prova, com 129 voltas completadas.

Um momento crucial para a corrida aconteceu na volta 174. O então líder Scott Dixon, que vinha na ponta praticamente a corrida toda, bateu. O piloto da Chip Ganassi, que vinha tendo problemas no carro e foi diminuindo o ritmo, derrapou e colidiu na curva 4. Bandeira amarela.

Na relargada, Helio Castroneves, que já vinha bem, continuou em excelente forma e chegou a assumir a segunda posição, na volta 195. Porém, o piloto brasileiro piorou na corrida e logo caiu para quinto.

Nesse momento, Graham Rahal já havia ultrapassado Ryan Briscoe e assumido a ponta.

Na última volta, Graham Rahal ficou para trás e a vitória veio para Justin Wilson, da Dale Coyne. Ryan Briscoe veio logo atrás dos dois, em terceiro.

Confira a classificação da etapa do Texas da Fórmula Indy:

1.Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda)

2.Graham Rahal (EUA/Ganassi-Honda)

3.Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet)

4.James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet)

Continua após a publicidade

5.JR Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet)

6.Simon Pagenaud (FRA/Sam Schmidt-Honda)

7.Helio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet)

8.Will Power (AUS/Penske-Chevrolet)

9.Alex Tagliani (CAN/Bryan Herta-Honda)

10.James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda)

11.Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet)

12.Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet)

13.Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda)

14.Dario Franchitti (ESC/Ganassi-Honda)

15.Katherine Legge (ING/Dragon-Chevrolet)

16.Mike Conway (ING/Foyt-Honda)

17.Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet)

Não terminaram

Scott Dixon (NZL/Ganassi-Honda)

Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet)

Oriol Serviá (ESP/Panther/DRR-Chevrolet)

Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet)

Takuma Sato (JAP/RLL-Honda)

Charlie Kimball (EUA/Ganassi-Honda)

Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet)

Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)