Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Julio Cesar deixa treino e espera evolução para jogar no domingo

Por Da Redação - 6 out 2011, 19h11

O goleiro Julio Cesar assustou a comissão técnica do Corinthians ao abandonar o treino coletivo da tarde desta quinta-feira, no CT Joaquim Grava. Ele acusou dores no cotovelo direito, conversou com o preparador Mauri Costa Lima e saiu do gramado para realizar tratamento. O camisa 1 será reavaliado nesta sexta, mas acredita que não será baixa para a partida de domingo, contra o Atlético-GO.

‘Senti uma dor no cotovelo, que já está doendo há alguns dias. Mas hoje (quinta) incomodou bastante, então fui fazer tratamento para não ser nada pior. Vou ver amanhã como vai estar o local. Espero que dê para jogar. Acho que não vai ter problema’, disse o arqueiro, em entrevista à GE.Net, no início da noite desta quinta.

O incômodo que Julio sente é fruto de epicondilite, que tem início com ligeira dor geralmente na face externa do cotovelo e pode se estender pelo antebraço. Se detectada no início, o tratamento é conservador. O goleiro, portanto, irá ao CT na manhã desta sexta para fazer fisioterapia.

Se não acusar dor, o goleiro promete participar normalmente do treinamento recreativo da tarde. Já se não tiver condições para o jogo de domingo, o substituto imediato é Danilo Fernandes.

Publicidade