Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jornalista argentina morre em batida de carro após jogo

Maria Soledad Fernandez estava acompanhada de outros dois colegas

A jornalista argentina Maria Soledad Fernandez, de 26 anos, morreu na madrugada desta quarta-feira em um acidente automobilístico no km 619 da BR-381, em Oliveira, interior de Minas Gerais. A jovem era filha de Miguel Angel “Titi” Fernandez, um famoso jornalista esportivo da Argentina, e retornava a Belo Horizonte de São Paulo, onde acompanhou à vitória da seleção argentina contra a Suíça, no Itaquerão. De acordo com informações do jornal argentino La Nación, Maria Soledad, que trabalhava no canal argentino Directv, estava acompanhada de outros dois jornalistas, Fernando Javier Bruno, de 44 anos, e Juan Daniel Berazagueti, de 42. Eles foram levados ao Hospital Regional de Betim e não correm risco de vida.

Leia também:

Torcedor de 64 anos morre durante Argentina x Suíça

Messi não acredita numa final entre Brasil e Argentina

Di María decide e Argentina avança, com sofrimento

Nas oitavas, favoritos sofrem diante de rivais ousados

Ainda de acordo com o La Nación, Maria Soledad estava no banco de trás, sem cinto de segurança, no momento em que seu carro se chocou contra outro e capotou diversas vezes. O governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho, divulgou nota oficial lamentando o falecimento da jornalista argentina. O comunicado informou que a Polícia Civil (PCMG) vai investigar as causas do acidente e dar continuidade aos trabalhos iniciados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que registrou a ocorrência e apreendeu um veículo modelo Golf, com placa de São Paulo, que estaria envolvido na batida.

Siga no Instagram: uma seleção de fotos exclusivas em @vejanoinsta

Segundo relatos colhidos pela Polícia Rodoviária Federal, o Golf teria se chocado com a traseira do Doblò de Maria Soledad causando o capotamento. O carro foi localizado num posto de gasolina, próximo ao local do acidente. Os dois homens que ocupavam o Golf foram detidos e serão ouvidos pelo delegado de Oliveira. Eles negaram o envolvimento no acidente, mas a perícia da Polícia Civil esteve no local e constatou que o Golf tinha marcas compatíveis com a colisão na traseira do Doblò. O veículo está apreendido no pátio da PRF, em Oliveira.

No último dia 17, Maria Soledad Fernandez chegou a Belo Horizonte de surpresa, para encontrar o pai, que trabalha na TV Pública da Argentina.

Festejando mi cumple con mi hija Sole que se apareció de sorpresa en Belo Horizonte pic.twitter.com/peIV4RxJxE

– Titi Fernandez (@titifernandez1) 17 junho 2014