Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Jorginho exalta empate com dez, mas critica estilo de jogo do Boa

Por Da Redação 12 out 2011, 13h57

O empate com o Boa, no Canindé, foi visto com bons olhos pelo técnico Jorginho. Embora o comandante da Lusa tenha ficado incomodado com o estilo de jogo da equipe mineira na primeira etapa, o treinador exaltou a ‘sorte’ de sua equipe, que não conseguiu desempenhar uma boa partida e ficou no 1 a 1, tendo um atleta a menos – Ananias fora expulso.

‘Pelo desempenho no segundo tempo, somamos um ponto. Demos sorte. Eles foram melhores e nós não conseguimos jogar. Eles tiveram mais oportunidades. Lógico que não estou contente com o empate, mesmo porque sei que minha equipe é melhor’, explicou.

Apesar disso, o comandante não deixou de reclamar de como o Boa jogou defensivamente no primeiro tempo. Segundo Jorginho, o rival mineiro ‘é um time que fica ali por uma jogada de bola parada’.

‘Minha equipe não joga para trás. Isso me incomoda muito. É um time que fica ali por uma bola parada. Demora muito para repor a bola. Se o time é bom, ataca. Há técnicos que fazem isso para não serem demitidos. Se não der para jogar para frente, é melhor me mandar embora. É duro jogar como eles fizeram no primeiro tempo. Se o Ananias não é expulso [no início da segunda etapa], seria assim até o fim’, completou.

Com o resultado, a Portuguesa chegou aos 61 pontos, na liderança isolada da Série B. Com 14 pontos de vantagem para o Boa, quinto colocado, a equipe rubro-verde volta a campo na próxima terça-feira, novamente no Canindé, diante do Vitória, que, embora mais distante, ainda sonha com uma vaga na elite do futebol nacional.

Continua após a publicidade

Publicidade