Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Jogo das Estrelas tem marca inédita: 318 pontos anotados

<p>Time da Conferência Leste venceu por 163 a 155; Kyrie Irving foi eleito o MVP</p>

Por Da Redação Atualizado em 11 jan 2022, 20h33 - Publicado em 17 fev 2014, 08h33

No total, foram dadas 88 assistências. Blake Griffin se tornou o jogador com o maior número de arremessos convertidos, com 19 tiros certeiros

Depois de algumas edições mornas e pouco atraentes, o Jogo das Estrelas da NBA voltou a empolgar os fãs na madrugada desta segunda-feira. O duelo entre os melhores jogadores das duas conferências na temporada 2014 superou as expectativas e proporcionou um grande espetáculo, com direito a quebra de recordes. A seleção da Conferência Leste conseguiu uma ótima reação para virar o jogo e vencer o Oeste por 163 a 155. Os 318 pontos marcados pelas duas equipes dão à edição 2014 um lugar na história, ultrapassando a antiga marca de 303 pontos anotados, alcançada em 1987. O Leste também conseguiu um recorde, com a maior pontuação já anotada por uma equipe no Jogo das Estrelas.

Leia também:

Par de tênis de Michael Jordan é leiloado por R$ 250.000

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Nenê ‘vinga’ Thiago Splitter e dá toco em LeBron; assista

Eleito o MVP (“jogador mais valioso”) do confronto, Kyrie Irving, do Cleveland Cavaliers, foi o principal responsável pela recuperação do Leste na partida. Com 33 minutos em quadra, o atleta superou os parceiros LeBron James (Miami Heat) e Carmelo Anthony (New York Knicks) e foi o cestinha da equipe, com 31 pontos e 14 rebotes. Melhor jogador da última temporada, LeBron marcou 22, enquanto Anthony fez 30. Do outro lado do duelo, o Oeste contou com as boas atuações de Kevin Durant (Oklahome City Thunder) e Blake Griffin (Los Angeles Clippers) – que deu nada menos que oito enterradas no primeiro tempo. Eles dividiram o título de cestinha do jogo, com 38 pontos cada, e Durant, que é o maior pontuador da temporada até aqui, ainda apanhou dez rebotes.

Realizado em Nova Orleans, já na madrugada desta segunda no horário brasileiro, o Jogo das Estrelas começou equilibrado. Depois de conseguir se manter à frente com uma pequena vantagem no primeiro quarto, o Oeste melhorou e foi ao intervalo vencendo por 89 a 76. Disposto a reverter a situação, o Leste voltou melhor. Depois de diminuir a diferença do rival e ir para o último quarto perdendo por apenas três pontos, o time comandado por Irving manteve o duelo parelho até o final, conseguiu controlar o jogo e soube diminuir a pressão do Oeste faltando pouco mais de um minuto para o fim. Além dos recordes de pontos, a edição também superou outras antigas marcas. No total, foram dadas 88 assistências. Já Griffin se tornou o jogador com o maior número de arremessos convertidos, com 19 tiros certeiros.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade