Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jogador colombiano é preso acusado de agredir mulher em Medellín

Bogotá, 28 mai (EFE).- O lateral-direito Carlos Valencia, do Atlético Huila, da Colômbia, foi preso acusado de agredir uma mulher que o acompanhava, divulgou nesta segunda-feira a polícia de Medellín.

A mulher acabou com um ferimento na sobrancelha e precisou levar quatro pontos no rosto. A causa da briga não foi divulgada. Segundo a polícia, outras três mulheres estavam com Valencia, mas só uma delas foi ferida.

Segundo o comandante da polícia de Medellín, o coronel Fabio Rojas, a confusão ‘foi o desfecho de uma noite de diversão’. De acordo com o policial, há suspeita de que todos os envolvidos estivessem alcoolizados.

O presidente do Atlético Huila, Felio García, lamentou o fato e afirmou que medidas serão tomadas. ‘Como clube iremos verificar os aspectos legais do caso, porque há um processo e a detenção de um jogador nosso. Por outro lado, lamentamos o fato, que é alheio à instituição’, disse.

O Atlético Huila estava em Medellín, onde foi derrotado pelo Itagüí por 1 a 0, na última rodada da primeira fase do Campeonato Colombiano. EFE