Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Joel não consegue explicar instabilidade de equipe tão madura

Por Da Redação - Atualizado em 19 jul 2016, 14h04 - Publicado em 27 maio 2012, 05h02

O técnico Joel Santana não consegue entender os motivos de o Flamengo passar por instabilidade nas partidas. Depois de ter cedido o empate por 3 a 3 ao Internacional, na noite de sábado, o treinador demonstrou preocupação para procurar os motivos de o time oscilar mesmo contando com jogadores experientes.

‘É difícil explicar em uma equipe tão madura, que tem Kleberson, Léo Moura, Vágner Love, Ibson, Ronaldinho… Precisa colocar vantagem e não parar, sabendo esfriar o jogo para ir só na boa. Não pode ceder contra-ataque. Tudo isso vai na experiência de jogo e, às vezes, isso falha para nós. É algo que vai ser conversado e discutido para sabermos o que fazer para melhorar’, afirmou.

Na partida de sábado, no Engenhão, o Flamengo abriu a vantagem por 3 a 1, mas permitiu a reação do Inter, que conseguiu a igualdade, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro.

Decepcionado com o resultado, Joel Santana acredita que a falta de regularidade também prejudicou o Rubro-negro nas campanhas frustrantes do Campeonato Carioca e da Copa Libertadores da América.

Publicidade

‘Isso não é normal. Nós começamos jogando bem, colocamos vantagem e, de uma hora para outra, começa a pane geral. Foi o que aconteceu também no Carioca e na Libertadores. Estamos com uma dívida muito grande com a torcida, ficamos chateados e aborrecidos’, concluiu.

Publicidade